novembro, 2018

2018qui08nov08:0016:30Fórum de Debates - Gestão da Manutenção Asfáltica na cidade de São Paulo08:00 - 16:30 Instituto de Engenharia - Av. Dr. Dante Pazzanese, 120 – V. Mariana - São Paulo / SPTipo de evento:Agenda,Geral,Seminários

Detalhes do evento

 

CLIQUE AQUI E ASSISTA À GRAVAÇÃO DO EVENTO!

 

A Cidade de São Paulo possui aproximadamente 18.000 km de malha pavimentada, cujo valor patrimônio estimado é de U$ 9,0 bilhões, quase 50% do orçamento do município, o Instituto de Engenharia decidiu promover o seminário em tela com vistas a discutir a minimização do investimento com as manutenções, maximizar a vida útil do pavimento asfáltico e propiciar maior nível de conforto e segurança aos usuários.

 

MANHÃ (8h00 – 11h45)

Recepção e Cadastramento: 8h00 – 8h30

 

  • Abertura (8h30 – 9h10)

Instituto de Engenharia (IE) – Presidente Eduardo Ferreira Lafraia

Tribunal de Contas do Município de São Paulo (TCMSP) – Conselheiro Vice-presidente Domingos Odone Dissei

Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras (SIURB) – Secretário Vitor Aly

Secretaria Municipal das Subprefeituras (SMSP) – Secretário Marcos Penido

Politécnica – USP: Diretora da Politécnica Dra. Liedi Legi Bariani Bernucci

Presidente do Conselho Consultivo do Instituto de Engenharia – João Machado

Vice-presidente de Atividades Técnicas – Jerônimo Cabral Pereira Fagundes Neto

Vice–presidente de Assuntos Internos – Miriana Pereira Marques

 

  • Exposição

PROGRAMA ASFÁLTICO NOVO

Secretaria Municipal das Subprefeituras (SMSP) – Secretário Marcos Penido

 

  • Palestra Magna (20min)

INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES – BASE PARA A COMPETITIVIDADE E SUSTENTABILIDADE

Diretora da Politécnica USPProfa. Dra. Liedi Legi Bariani Bernucci

 

  • 1º Painel (9h10 – 10h10)

ESTADO DA PAVIMENTAÇÃO ASFÁLTICA NA CIDADE DE SÃO PAULO

A discussão neste painel, composto por técnicos há muito tempo à frente dos problemas e soluções da manutenção do pavimento asfáltico na cidade de São Paulo, trará um panorama do estado da situação atual.

Palestrantes:

Prof. Dra. Dirce Carregã Balzan

Eng. Guilherme Tanabe

Dr. Janos Bodi

Moderador:

Eng.  Jerônimo Cabral – Instituto de Engenharia

*Perguntas e respostas*

 

CAFÉ (10h10 – 10h45)

 

  • 2º Painel (10h45 – 11h45)

PLANEJAMENTO, PRIORIDADES E CUSTOS DA MANUTENÇÃO

Muito se tem dito quanto ao custo da manutenção da malha viária asfaltada da cidade. As opiniões são conflitantes: uns a consideram razoável em função de suas dimensões, outros alto. Administradores públicos entram na disputa de quem tapa mais buraco, outros na disputa inversa. Tapa buraco é a solução? Qual o controle da qualidade dos serviços executados? Qual o planejamento, afinal? Ao término deste painel é desejo encontrar as respostas a estes e outros questionamentos.

Palestrantes:

Eng. Ernesto Simões Preusler

Eng. Camil Eid

Moderador:

Eng. Ivan Metran Whately – Instituto de Engenharia

*Perguntas e respostas*

 

ALMOÇO (11h45 – 13h30)

 

TARDE (13h30 – 16h30)

 

  • 3º Painel (13h30 – 14h30)

TECNOLOGIAS DISPONÍVEIS

Quais tecnologias disponíveis hoje no mercado que podem trazer eficiência, eficácia, efetividade e economicidade na manutenção asfáltica? Os debatedores deste painel mostrarão algumas das ferramentas disponíveis.

Palestrantes:

Eng. André Felipe Valle 

Eng. Hélio Fabrício de Proença

Eng. Marcelo Almeida

Eng. Valmir Bonfim

Moderador:

Eng. Rubens Chammas

*Perguntas e respostas*

 

 CAFÉ (14h30 – 14h45)

 

  • 4º Painel (14h45 – 16h00)

 INTERFERÊNCIAS NAS VIAS E RECOMPOSIÇÃO CONCESSIONÁRIAS

É constante a intervenção das concessionárias no pavimento asfáltico, quer por necessidade de manutenção ou ampliação de seus serviços. Como é tratada a recomposição do leito? Quais são as legislações? Qual o controle da qualidade destes serviços? Os palestrantes aqui convidados se empenharão em responder estes e outros questionamentos.

Palestrantes:

Eng. Marcos A. S. Romano

Aurélio Fiorindo Filho

Eng. Moacir Fernandes

Eng. Diogo de Souza Menezes

 Moderador:

Eng. Paulo Cesar Lima Segantine

*Perguntas e respostas*

 

ENCERRAMENTO (16h00 – 16h30)

Instituto de Engenharia – Presidente Eduardo Ferreira Lafraia

Tribunal de Contas do Município de São Paulo – Chefe de Gabinete do Vice- Presidência do TCMSP – Eng. Rubens Chammas

Vice-presidente de Atividades Técnicas – Jerônimo Cabral Pereira Fagundes Neto

Vice–presidente de Assuntos Internos – Miriana Pereira Marques

 

Discursadores*:

*Em ordem alfabética

André Felipe Vale

Engenheiro Civil, com mestrado e doutorado em infraestrutura de transportes, especialista em emprego de HDM na programação de investimentos em rodovias, atuando há mais de 20 anos em projeto e consultoria em pavimentação, com ênfase em restauração e gerência de pavimentos rodoviários e aeroportuários, desde a realização de estudos preliminares até projetos finais de engenharia, passando por estudos e planejamento de infraestrutura, gestão de pavimentos e planos de manutenção e estudos de engenharia. Com forte atuação no desenvolvimento de sistemas de gerência de pavimento desde o final da década de 1990, com soluções customizadas as necessidades dos clientes, incluindo integração com o HDM-4. Nesta área tem realizado estudos de engenharia, planos de investimentos e estudos de viabilidade técnica econômica com o HDM-4, em contratos que incluem a transferência de tecnologia não somente da utilização do SGP mas também do HDM-4. Neste ponto destaca-se também a experiência em capacitação de equipes em sistemas de gerência de pavimento e no emprego do HDM, incluindo empresas privadas e órgãos púbicos, além de palestras e artigos publicados, e participação em bancas examinadoras de mestrado e doutorado na Escola Politécnica da Universidade de São Paulo.

Aurélio Fiorindo Filho

Engenheiro civil, Especialista em Engenharia de saneamento básico pela faculdade de saúde pública da USP; MBA Administração para Engenheiros no Instituto Mauá de Tecnologia; gestor de Projetos pela Fundação Vanzolini; MBA Gestão Empresarial pela – FIA USP; funcionário da Sabesp desde 1992, atuando como engenheiro em diversas áreas da empresa, principalmente ligadas à execução de obras e manutenção dos sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário.

Desde 2015 ocupa o cargo de Superintendente da Unidade de Negócio Oeste.

Camil Eid

Engenheiro civil e eletricista pela Universidade Mackenzie formado em 1960. Foi vice-presidente de Administração e Finanças do Instituto de Engenharia. Atualmente, é sócio-diretor da Calliandra Consultoria Ltda. Foi vice-presidente de Obras Pesadas da Apeop, diretor do Sinicesp, diretor Técnico e Comercial da Badra S.A., diretor Nacional e Internacional da Construtora Beter S.A. na Arábia Saudita, diretor-sócio da Jubran Engenharia. Obras das quais foi responsável técnico: Ponte do Morumbi, Ponte Guido Caloi, Ponte Cruzeiro do Sul, Ponte Vila Guilherme, Viaduto VA19 da Rodovia dos Imigrantes, terraplenagem e pavimentação das Avenidas 23 de Maio e Sumaré e Marginal do Tietê. Destacam-se também o Túnel Metroviário da Rua das Palmeiras, Terminal Ferrazópolis e Pátio Belém (Metrô SP). Quanto às obras internacionais destaca-se a Estrada Safwa Al Jubail, na Arábia Saudita.

Diogo de Souza Menezes

Engenheiro com MBA em Gestão de Negócios, Inovação e Projetos pela FIA. Mais de 15 anos de experiência na indústria do gás, tendo atuado em diversos projetos e funções neste período. Atualmente é Gerente de Projetos e Soluções de Ativos na COMGÁS

 

Dirce Carregã Balzan

Doutora em Planejamento Urbano (FAUUSP/2006), Mestre em Engenharia Geotécnica (EPUSP/1994) e graduada em Geologia (IGcUSP/1988). Professora do ensino superior no curso de Engenharia Civil há 25 anos (UNISANTA e FAAP). Atua na Secretaria de Infraestrutura Urbana e Obras desde 1991, onde já exerceu os cargos de Diretora de Divisão, Chefe de Seção Técnica e atualmente é Coordenadora de Projetos. Já publicou diversos artigos técnicos especializados de pavimentação urbana e também organizou vários seminários da prefeitura nesta área. É representante da Secretaria de Obras no Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação e no Conselho Municipal de Política Urbana, sendo também Coordenadora da Comissão de Normas de Pavimentação da Prefeitura de São Paulo.

Domingos Odone Dissei

Engenheiro Civil formado pela Escola de Engenharia Mauá (1977); especialista em Conjuntos Habitacionais pela EPUSP (1978); engenheiro de Segurança do Trabalho pela FUNDACENTRO (1979); engenheiro de Perícias e Avaliações pelo IBAPE (1990); professor de Estruturas de Aço e Madeira (1976/77) da Escola Técnica Rudge Ramos; administrador Regional do Ipiranga (atual Prefeito Regional) em 1986 e de 1993 a 1995; ex-secretário das Administrações Regionais (atual Secretaria das Prefeituras Regionais) de 1998 a 1999; ex-vereador (Câmara Municipal de São Paulo) eleito por 4 mandatos consecutivos (1997 a 2012); autor de várias Leis de relevância para a cidade de São Paulo, voltadas à Educação, Habitação, Terceira Idade, Transparência Pública e Inclusão Social.

Presidente da Comissão de Política Urbana, Metropolitana e Meio Ambiente, membro da Comissão de Administração Pública, membro da Comissão de Trânsito, Transporte, Atividade Econômica, Turismo, Lazer e Gastronomia da Câmara Municipal de São Paulo; conselheiro do Tribunal de Contas do Município de São Paulo desde junho de 2012, indicado e sabatinado pelo Legislativo Municipal, conforme a Lei Orgânica e as Constituições Federal e Estadual de São Paulo. Eleito Conselheiro Corregedor do Tribunal de Contas do Município para o ano de 2014. Eleito Conselheiro Vice-Presidente para o ano de 2018.

Ernesto Simões Preussler

Engenheiro Civil, Doutor na área de mecânica dos solos/pavimentação, autor do livro “Pavimentação Rodoviária – Conceitos Fundamentais sobre Pavimentos Flexíveis”, juntamente com Salomão Pinto.  Atuou como Engenheiro Civil ITA – Instituto tecnológico de Aeronáutica e COPPETEC/COPPE. Há 40 anos em Avaliação Estrutural de Pavimento, Restauração do Pavimento de Rodovias e Manutenção Sistema de Gerência de Pavimentos da Autarquia. Sócio proprietário da Dynatest Engenharia Ltda. desde 1988, empresa pioneira em tecnologias inovadoras em engenharia de pavimentos que se destaca pela adaptação de sua atuação aos diversos tipos de empreendimentos.

Guilherme Kazuhisa Tanabe

Engenheiro Civil pela Escola Politécnica da USP e pela École Nationale de Ponts e Chaussées (ENPC – Paris). Tem experiência profissional como engenheiro de estruturas metálicas e de concreto na Hatch Consultoria e Gerenciamento de Projetos, como auditor de obras pela Hatch Consultoria e Gerenciamento de Projetos e como engenheiro de Estruturas pela Planservi Engenharia. Atualmente é coordenador de Fiscalização e Controle – Coordenadoria VI – SMSUB, SVMA e Amlurb.

Helio Fabricio de Proença

Nasceu em São Paulo –SP em 1959.

Engenheiro Civil, formado pelo IEEP- Instituto de Ensino de Engenharia Paulista em 1983. Especialização na UCLA- Universidade da Califórnia em asfaltos modificados com maior foco em asfalto borracha.

É sócio proprietário da Construtora Guaianazes S A onde atuou como Diretor Técnico desde 1987 à 2001 executando diversas obras em todo Brasil. É sócio proprietário da EXPLORER ECOLOGIC, especializada em consultoria em pavimentos modificados.

Desde 2000, vem conjugando suas atividades profissionais com o meio acadêmico e realizando vários cursos e palestras sobre CURSO DE ATUALIZAÇÃO DE TÉCNICAS DE MANUTENÇÃO DA PAVIMENTAÇÃO.

Coordenador Técnico do grupo de pesquisa GET TecPav da Escola de Contas do TCMSP.

Ivan Metran Whately

Engenheiro Civil e Arquiteto, especialista em planejamento de transporte. Trabalhou em empresas privadas e públicas do setor, acumulando experiência em projetos e gerenciamento de obras. Atualmente, é assessor da Diretoria de Planejamento do Metrô-SP. Anteriormente, exerceu a função de assessor do presidente do Metrô-SP; assessor especial do secretário Municipal de Transporte; gerente de Projetos e Obras da EMTU; diretor de Projetos e Desenvolvimento Técnico da CPOS e diretor presidente da CPOS. Ocupou outros cargos, como superintendente do DAEE, presidente da Comissão Pró-Centro e diretor do Departamento de Transportes Públicos da PMSP. Além disso, foi consultor da OEA; diretor da Divisão de Projetos de Engenharia do Fundo de Construções da USP; dirigente da Assessoria Técnica da Secretaria dos Negócios Metropolitanos; assessor técnico da Secretaria de Estado dos Transportes, diretor do Departamento de Projetos de Engenharia de Transportes da SEEBLA, Serviços de Engenharia e coordenador de Projetos da CET. Conselheiro do Instituto de Engenharia é associado participante desta instituição há 39 anos e atual diretor do Departamento de Mobilidade e Logística.

Janos Bodi

Graduado em Engenharia Civil pela Escola Politécnica da USP em 1974, Mestre na Área de Infraestrutura de Transportes pela EPUSP em 1998, engenheiro concursado da PMSP em 1978 e aposentado em 2008, ocupou os cargos de supervisor de obras e de serviços nas prefeituras regionais, foi superintendente das usinas de asfalto da PMSP entre 1989 e 1992 e em 2013, ocupou o cargo de assessor técnico parlamentar na Câmara Municipal de SP em 1997 e 1998,  foi assessor técnico da Secretaria Municipal das Prefeituras Regionais e da Secretaria do Governo Municipal da PMSP de 2013 a 2016, atualmente é assessor de secretaria II do Tribunal de Contas do Município de SP e membro da GEPTecpav da Escola de Contas do TCMSP, tendo elaborado trabalhos e publicações referentes a gerência de manutenção de pavimentos de malhas viárias.

Jerônimo Cabral Pereira Fagundes Neto

Engenheiro Civil (Escola de Engenharia de Lins), e Administrador de Empresas, (Mackenzie). Pós-graduado em Avaliações e Perícias de Engenharia (Faap). Mestre em Habitação na área: Tecnologia das Edificações (IPT). Perito judicial na RMSP e assistente técnico no Sul-Sudeste. Membro do corpo docente de cursos de pós-graduação em Perícias de Engenharia e Avaliações e Engenharia Diagnóstica em Edificações em convênio com entidades diversas. Palestrante e ministrador de cursos de treinamento nos temas: Perícias em Revestimentos; Perícias em Edificações; Inspeção e Manutenção Predial; Engenharia Diagnóstica em Edificações; Norma de Desempenho em edificações. Representante do Instituto de Engenharia na ABNT, na elaboração da Norma de desempenho de edificações – edição 2013; secretário da Comissão de normas da ABNT- CB2 para revisão das normas: NBR 14.037 e NBR 5674 – Manutenção das Edificações, como representante do Ibape; secretário da Comissão de estudo NBR 16.280 – como representante do Instituto de Engenharia. Medalha Hélio de Caires: melhor trabalho de Perícias do XIV Cobreap – Salvador/BA – 2007: Perícias em Fachadas de Edificações – Pintura. Menção Honrosa pelo trabalho: A Engenharia Diagnóstica como instrumento de valorização profissional e da qualidade nas edificações no Instituto de Engenharia – 2011. foi diretor do Departamento de Engenharia de Produção do Instituto de Engenharia e diretor da J. Cabral Perícias de Engenharia e Avaliações.

José Marcelo Amorim Campos de Almeida

Graduado em Engenharia Civil pela Faculdade de Engenharia de São Paulo – FESP. Sólida experiência nas áreas de Negócios, Gerenciamento de Obras de terraplenagem e Pavimentação, Planejamento, Marketing, Engenharia, Vendas e Logística voltadas para o segmento da Construção Civil. Atuei em diversas empresas no ramo de produção de Asfaltos e obras de pavimentação. Gerenciamento de diversas obras de pavimentação, construção civil e terraplenagem, envolvendo aplicação de técnicas de micro revestimento asfáltico com polímeros SBS e concreto asfáltico com polímeros.

Elaboração de diversos trabalhos e palestras em Congressos Nacionais e Internacionais sobre Pavimentação Asfáltica e Materiais Asfálticos. Consultor independente para empresas nas áreas de Asfaltos e Emulsões modificadas com polímeros; Proferiu palestras para órgãos governamentais, empresas de construção de rodovias e empresas consultores, objetivando a utilização de novas tecnologias principalmente para revestimentos asfálticos em rodovias com misturas utilizando Asfaltos e Emulsões modificas com polímeros.

Liedi Légi Bariani Bernucci

Engenheira Civil pela Politécnica da USP em 1981, realizou na ETHZ da Suíça com bolsa sanduiche, sua pesquisa de Mestrado em Geotecnica e Doutorado em Transportes. Docente da POLI-USP desde 1986, Professora Titular desde 2006. Chefe do Departamento de Engenharia de Transportes por 7 anos, Vice Diretora da POLI de 2014 a 2018 e desde março de 2018, Diretora da POLI, sendo a primeira mulher em 124 anos a ocupar este cargo.

Marcos Antonio Santos Romano

Graduado, em 1976, no curso de Engenharia Civil pela Faculdade de Ciências Tecnológicas – F C T , da Pontifícia Universidade Católica de Campinas – PUCCAMP. Servidor Público Municipal Concursado , efetivado em 1988. Chefe de Secção Técnica da Divisão de Cadastro Setorial – Convias 2, da Secretaria de Infraestrutura Urbana – SIURB. No período de 1999 a 2004. Diretor da Divisão Técnica de Levantamentos Topográficos – Convias 3, da Secretaria de Infra-estrutura Urbana – SIURB, no período de 1999 a 2004. Diretor do Departamento Técnico de Controle e Cadastro de Infraestrutura Urbana – CONVIAS desde 2014. Coordenador da Comissão de Entendimentos com Concessionárias – CEC , da Secretaria de Infra-estrutura Urbana – SIURB, desde 1999. Coordenador da Câmara Técnica de Gestão das Redes Aéreas – CTGRA Secretaria de Infraestrutura Urbana e Obras da Prefeitura da Cidade de SP. MBA – Executivo para engenheiros pelo Instituto Mauá de Tecnologia. MBA – Gestão de Projetos pelo Instituto Mauá de Tecnologia. Pós-graduado em Gestão Pública pelo o Instituto Nacional Pós-Graduação.

Marcos Penido

Secretário Municipal da Prefeituras Regionais – Prefeitura de São Paulo – 2018; Secretário Municipal de Serviços e Obras – Prefeitura de São Paulo – 2017; Presidente da CDHU – Cia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano – Governo do Estado de São Paulo – 2014; Diretor Técnico da CDHU – Cia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano – Governo do Estado de São Paulo – 2011-2015; Secretário Municipal de Infraestrutura Urbana – Prefeitura de São Paulo – 2016-2010; Coordenador fundador do Programa QUALIHAB do Estado de São Paulo – 1995-2005; Representante do Governo do Estado de São Paulo no Fórum Nacional de Secretários da Habitação e Desenvolvimento Urbano e ABC – Brasília. Representante da CDHU junto a UNEP – SBCI – United Nations Environmental Program – Sustainable Building and Climate Initiative – 2011-2012; Funcionário de carreira da CDHU desde 1985; Extensão em Gerenciamento de Empreendimentos – FGV; Engenheiro Civil pela Universidade Veiga de Almeida – 1983. Reconhecido especialista na gestão de políticas púbicas em habitação e infraestrutura urbana no Brasil.

Ocupou inúmeros cargos de responsabilidade nas administrações do Governo de São Paulo e da Prefeitura do Município de São Paulo, à frente de grandes desafios de programas de construção de moradias, urbanização de favelas, reassentamento de áreas de risco, erradicação de cortiços, implantação de infraestrutura urbana, sistema viário e transportes, canalização e córregos, equipamentos públicos de escolas, creches, postos de saúde e hospitais, entre vários campos de atuação. Hoje é atual Secretário das Prefeituras Regionais, composta pelas 32 (trinta e duas) prefeituras regionais.

Paulo Cesar Lima Segantine

Doutorado em Engenharia de Transportes pela Universidade de São Paulo em 1995. Atualmente é Professor Associado 2 – Livre docente (MS-5) da Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo. Publicou vários artigos em periódicos especializados e trabalhos em anais de eventos. Organizou três congressos de Iniciação Científica e dois seminários sobre Técnicas de Ensino na Engenharia na EESC/USP. Possui 7 livros publicados e no momento está organizando mais dois livros com temas principais: projeto Topografia para a engenharia: teoria e prática de Geomática (segunda edição revisada e ampliada) e Sistema Global de Posicionamento (segunda edição revisada e ampliada). Participou de vários eventos no exterior e no Brasil. Orientou 26 dissertações de mestrado e 11 teses de doutorado nas áreas de Geociências, Cartografia e Engenharia Civil. No momento orienta 2 dissertações de mestrado e 2 teses de doutorado. Atua na área de Engenharia Civil, com ênfase em Infraestrutura de Transportes. Em suas atividades profissionais interagiu com vários colaboradores em co-autorias de trabalhos científicos. Em seu currículo Lattes os termos mais frequentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: GNSS, SIG, Sistema de Posicionamento Global, Sistema de Informação Geográfica, Redes Neurais, Geomática, Cartografia, Redes de referências cadastrais, Redes Geodésicas e Modelos Geoidais. Atualmente é Coordenador Adjunto da Câmara de Especializada em Engenharia Civil do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo.

Rubens Chammas

Engenheiro civil pela POLI/USP, economista pela FEA/USP e Técnico em Transações Imobiliárias. Atua há mais de 35 anos na esfera pública, tendo ocupado diversos cargos nas áreas de planejamento urbano,  estratégico e econômico-financeiro e na área de controle de contas. Foi Diretor da COHAB-SP (2005-2006), Diretor da EMURB (2006-09) e Secretário Municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão da Prefeitura de SP (2009-12). Desde 2013, ocupa o cargo de Chefe de Gabinete no Tribunal de Contas do Município de São Paulo – TCM/SP.

É Professor do Curso de Especialização em Planejamento e Gestão de Cidades da
USPCidades e Professor de Matemática Financeira e Análise de Investimentos Imobiliários da UNISciesp.

Valmir Bonfim

Nasceu em 1963 na cidade de Urânia (SP). Engenheiro Civil formado pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas, em 1990 e Mestre em Engenharia pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo. Atualmente exerce a função de Diretor Técnico da empresa DVS e é Consultor Técnico da empresa FREMIX. Desde 1995, vem conjugando suas atividades profissionais com o meio acadêmico, publicando vários trabalhos e realizando palestras em faculdades de engenharia. É autor do livro “Fresagem de Pavimentos Asfálticos”.

Vitor Aly

Formado em Engenharia Civil, mestre pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo e especialista na mesma área pelas instituições OSIC-JICA, em Osaka, MWH University, no Canadá, e TIC – JICA, em Tóquio. Possui ampla experiência no setor público. Em 1995, foi assessor especial da presidência da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo (CDHU) e, de 1995 a 2001, assessor especial do governador Mário Covas.

Aly também foi vice-presidente e diretor de obras da Empresa Municipal de Urbanização de São Paulo (EMURB), em 2005. Com ampla experiência na iniciativa privada, ocupou cargos estratégicos em empresas e consultorias especializadas em engenharia, atuando também na América Latina (República Dominicana) e nos Estados Unidos (Denver). Desde 1987, é professor assistente na Escola Politécnica da Universidade de São Paulo – EPUSP. Entre janeiro de 2017 e abril de 2018 foi presidente da SPObras. Em abril de 2018 assumiu a Secretaria de Infraestrutura Urbana e Obras de São Paulo.

Hora

(Quinta-feira) 08:00 - 16:30

Localização

Instituto de Engenharia - Av. Dr. Dante Pazzanese, 120 – V. Mariana - São Paulo / SP