agosto, 2021

2021qua18ago09:0011:00Lançamento dos Novos Cadernos de Drenagem da Cidade de São Paulo09:00 - 11:00 Evento on-line Organizador: Departamento Desenvolvimento Urbano e Regional / Divisão Técnica Água e Saneamento / Divisão Técnica Meio Ambiente e Sustentabilidade / Divisão Técnica Urbanização Tipo de evento:Agenda,Palestras

Detalhes do evento

Quer fazer parte do Instituto de Engenharia? Confira nossas vantagens:

Abordagem:

Os cadernos de Drenagem na Cidade de São Paulo compõem um importante instrumento para a redução dos riscos de inundação das bacias hidrográficas do Município de São Paulo.

Este estudo desenvolveu-se no âmbito do contrato SIURB-FCTH nº 008/SIURB/14, com o objetivo básico de fornecer subsídios para planejamento e gestão do sistema de drenagem.

O horizonte de planejamento considerado neste estudo é o cenário de projeto para a ocupação máxima permitida pela Lei de Parcelamento, Uso e Ocupação do Solo (LPUOS – Lei  nº 16.402/2016). O  estudo do sistema de drenagem deverá adotar como referência de risco hidrológico o período de retorno de 100 anos, porém as obras e outras intervenções na bacia hidrográfica serão escalonadas partindo-se de períodos de retorno de 25 anos.

Lançamento dos Novos Cadernos de Drenagem da Cidade de São Paulo

Córrego Água Preta e Sumaré

Córrego Anhangabau

Córrego Pirajuçara

Córrego Uberaba

Córrego Verde Pinheiros

Rio Aricanduva

Público-alvo:

Projetistas, Construtoras, Escolas de Engenharia, Engenheiros, Arquitetos e Estudantes. 

Programação*

Abertura:

Ricardo Nunes – Prefeito da Cidade de São Paulo

Paulo Ferreira -Presidente do Instituto de Engenharia

Marcos Monteiro – Secretário de Infraestrutura Urbana e Obras

Ivan Metran Whately – Vice-presidente de Atividades Técnicas Instituto de Engenharia

Apresentadores/Mediadores:

Mauricio Canton Pladevall – Instituto de Engenharia

Vinicius Caruso – Instituto de Engenharia

Palestrantes:

Pedro Luiz de Castro Algodoal – Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras

Flávio Conde – Fundação Centro Tecnológico de Hidráulica

Mesa redonda:

Renato Mattos Zuccolo – Divisão Técnica Águas e Saneamento IE

José Manoel de Oliveira Reis – Divisão Técnica Meio Ambiente e Sustentabilidade IE

Divisão Técnica Urbanização IE

Alberto Epifani – Convidado da Divisão Técnica de Urbanismo

Encerramento: 

Paulo Ferreira – Presidente do Instituto de Engenharia

Marcos Monteiro – Secretário de Infraestrutura Urbana e Obras

Ivan Metran Whately – Vice-presidente de Atividades Técnicas IE

*Programação preliminar

Conheça os participantes:

Paulo Ferreira -Presidente do Instituto de Engenharia 

Engenheiro Civil pela Escola de Engenharia da Universidade Presbiteriana Mackenzie, mestre e doutor pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (EPUSP). Engenheiro de Planejamento, coordenador de Projetos, superintendente de Projetos, diretor Técnico e de Meio Ambiente da Sabesp; diretor de Controle de Poluição da Cetesb; professor adjunto da E.E. Mackenzie. É conselheiro Consultivo e já foi vice-presidente de Atividades Técnicas do Instituto de Engenharia, secretário adjunto de Meio Ambiente do Estado de São Paulo, secretário Nacional de Saneamento Ambiental do Ministério das Cidades, diretor Administrativo e Financeiro da Telebras do Ministério das Comunicações.

Eng. Marcos Monteiro – Secretário Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras de São Paulo

Eng. Marcos Monteiro, engenheiro civil pela Universidade Mackenzie (1988), obtendo prêmios concedidos pelo Instituto de Engenharia e Fundação Maria Luíza e Oscar Americano. Pós-graduação em Engenharia de Estruturas pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (1992). MBA pela Escola de Administração Mauá (1999). Professor de Estruturas de Concreto Armado e da Pós- Graduação em Gerenciamento de Canteiros da Escola de Engenharia Mauá e do Curso de Pós-Graduação em Estruturas de Concreto Armado do Mackenzie. Presidente da ABECE – Associação Brasileira de Engenharia e Consultoria Estrutural no Biênio 2008-2010 e atual Conselheiro. Colaborador na elaboração de diversas normas da área de estruturas. Colunista do portal Buildin.


Ivan Metran Whately- Vice-Presidente de Atividades Técnicas

No Instituto de Engenharia há 40 anos, atuou como 1º Secretário da Diretoria Executiva nos últimos quatro anos. Há seis anos é diretor do Departamento de Mobilidade e Logística e atuou por cinco anos como coordenador da Divisão Técnica de Transportes Metropolitanos. Por dois períodos de quatro anos fez parte do Conselho Deliberativo. Atualmente é VP de Atividades Técnicas e atua no Conselho Consultivo. Participa do Conselho Editorial e de Pauta da Revista Engenharia. Sempre desenvolveu atividades voluntárias, e como confrade, participa das degustações da SocIEtà – grupo de associados amigos do vinho no Instituto de Engenharia. Formado em Engenharia Civil pela FAAP, em 1974; Arquitetura pela universidade Presbiteriana Mackenzie, em 1967; com cursos de extensão e estágios profissionais no Brasil e na França, nas especializações de Engenharia de Tráfego e Transporte e Planejamento de Transporte. Atuou em empresas privadas e públicas. Atualmente é consultor de Planejamento de Transporte, já foi foi assessor da Diretoria do Metrô-SP (2013-2019), foi assessor Especial do SMT (2010-2013), foi gerente de Projetos e Obras da EMTU (2007-2013), foi superintendente do DAEE (1995-1997) e foi diretor de Projetos e diretor-presidente da CPOS (1997-2005). Foi Presidente da Comissão Pró-Centro e diretor do DTP da PMSP. Além disso, foi consultor da OEA no Uruguai; diretor de Projetos de Engenharia do FUNDUSP; dirigente da Assessoria Técnica da Secretaria dos Negócios Metropolitanos; assessor Técnico da Secretaria de Estado dos Transportes, diretor do Departamento de Projetos da SEEBLA – Serviços de Engenharia, onde coordenou projetos em cidades brasileiras, Chile, Venezuela e Colômbia.

Mauricio Canton Pladevall – Instituto de Engenharia

Engenheiro Civil formado pelo Mackenzie (2016). MBA em Parceiras Público-Privadas e Concessões pela FESPSP (2019), com imersão técnica na London School of Economics and Political Science (LSE). Desde estagiário, vem atuando em contratos de gerenciamento de empreendimentos de saneamento básico, tendo participado da gestão e supervisão da PPP do Sistema Produtor São Lourenço, da transposição da Bacia do Rio Itapanhaú para o Sistema Produtor Alto Tietê e do Programa Pró-Billings. É sócio do Instituto Brasileiro do Concreto, sendo membro do Comitê Técnico de Aplicação do Concreto para Obras de Saneamento Básico. No Instituto de Engenharia, foi assessor da Vice-Presidência de Relações Externas (2018).

Vinicius Silva Caruso – Instituto de Engenharia

Engenheiro Civil formado pelo Mackenzie (2017). Mestrado em curso em Engenharia Civil, com ênfase em recursos hídricos/hidráulica (2020 -), na FEC-UNICAMP. Foi representante eleito dos alunos de pós-graduação na sua Congregação (2020-2021). Atua na engenharia consultiva e de projetos aplicada à infraestrutura, com ênfase no saneamento básico (água, esgotos e drenagem urbana). Iniciou a carreira na construção civil, participando das obras de duplicação da Rod. Régis Bittencourt (BR-116) no trecho da Serra do Cafezal e da transposição da Bacia do Rio Itapanhaú para o Sistema Produtor Alto Tietê. Associado ao Instituto Brasileiro do Concreto (IBRACON), coordenou o concurso técnico “Ousadia” (2017-2019), foi um dos coordenadores do “Seminário sobre o Ensino de Eng. Civil” (2017 e 2019) e, atualmente, é o coordenador do Comitê Técnico (CT) IBRACON de Aplicações do Concreto para Obras de Saneamento Básico. No Instituto de Engenharia (IE), foi assessor da Vice-Presidência de Relações Externas (2017-2018). É membro das Divisões Técnicas de Estruturas, Ferrovias e Navegação Interior/Portos, bem como representante da Casa no Comitê de Indicadores Econômicos e Tecnológicos do Movimento “Brasil Construção 4.0”, iniciativa conjunta do IE com a ABEMI, o SINICON e a Deloitte. Foi membro da delegação brasileira da “The Youth Assembly 2018 Winter”, realizada na sede da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, EUA.

Pedro Luiz de Castro Algodoal – Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras 

Engenheiro concursado na Prefeitura de SP desde 1983, atuando na Secretaria de Infraestrutura Urbana da Prefeitura de São Paulo onde ocupou a Diretoria de Projetos de Drenagem, a Superintendência de Projetos e a Diretoria de Projetos na SP Obras. Engenheiro civil pela Escola de Engenharia Mauá. Principais cursos: hidrologia na FATEC (1993); administração pública na FGV (1994); riscos relacionados às cheias, da United Nations University (Alemanha, 2005), drenagem e modelagem de bacias na POLI/USP (2006, 2007 e 2013. Coordena o Plano Diretor de Drenagem de SP – PMAPSP. Foi coordenador do Núcleo de Gestão Técnica do Comitê Gestor de Saneamento do Município em 2017/2018, atuou no Comitê da Bacia do Alto Tietê, no Plano de Drenagem da Bacia do Alto Tietê e no Conselho de Desenvolvimento Sustentável de São Paulo.

Renato Mattos Zuccolo – Instituto de Engenharia
Engenheiro Civil, Mackenzie, e especialista em Gestão Ambiental, USP. Experiência no gerenciamento de implantação de empreendimentos nas atividades de projeto, consultoria técnica, planejamento, controle, fiscalização e coordenação de obras de Engenharia de
todos os portes e tipos. Atua até hoje na empresa Logos Engenharia, que foi integrada à Arcadis. Trabalhou nas empresas Lubeca S. A. Administração de Bens; Villares Indústrias de Base S.A.; Engeral Engenharia e Obras; Roberto Rossi Zuccolo Engenharia Civil e Estrutural e na Álvaro Cunha e José Martiniano de Azevedo Netto. Possui estágios em administração Viária da Califórnia (USA); Cogefar (Milão – Itália), túneis e no Ministério dos Transportes da Alemanha, em pontes protendidas e metálicas. Foi professor titular das cadeiras de Construção Pesada e Estágio Supervisionado, do 5º ano do curso Civil, do Instituto de Ensino de Engenharia Paulista, e professor do curso de iniciação
à Educação Ambiental da Secretaria do Verde e Meio Ambiente do Município de São Paulo. Participação nos órgãos do sistema de recursos hídricos e saneamento da Bacia Hidrográfica do Alto Tietê, em consultoria técnica no Plano de Macrodrenagem da
Bacia Hidrográfica do Alto Tietê e no Plano Diretor Estratégico do Município de São Paulo. Possui diversos livros publicados. Fez vários cursos no Instituto de Engenharia; curso de
Mecânica das Rochas e Perfurações em Rochas, ministrado pelo prof. Manoel Rocha, do Laboratório Nacional de Engenharia Civil de Lisboa (Portugal). Conhecimento em português, inglês, espanhol, francês, italiano, alemão e holandês.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WhatsApp-Image-2021-08-04-at-16.34.20-1-1.jpeg José Manoel de Oliveira Reis – Coordenador do Depto de Meio Ambiente do Instituto de Engenharia

Administrador de Empresas, Engenheiro Ambiental, Engenheiro de Segurança do Trabalho, Pós Graduado – MBA – Trânsito, Mobilidade e Segurança, Pós Graduado – MBA – Gestão do Meio Ambiente e Sustentabilidade;
Foi Engenheiro Coordenador de Projetos e Obras da Cidade de São Paulo, Chefe de Departamento – DIGAM – Divisão de Meio Ambiente e Chefe do Departamento de Operações do Rodoanel Mario Covas – Trecho Sul (DERSA), Chefe do OP/DETRA – Departamento de Operações de Tráfego e do Departamento de Operações das Rodovias: Rodovia Dom Pedro I – SP-065 e Rodovia Ayrton Senna/Carvalho Pinto, Diretor da Divisão Técnica e Educacional de Trânsito de Bragança Paulista e Gestor na CET – Cia de Engenharia de Tráfego de São Paulo.
Atualmente é diretor geral do Departamento Hidroviário do Estado de São Paulo (DH), Professor de Inovação para a pós graduação da FMU e Coordenador do Depto de Meio Ambiente do Instituto de Engenharia.

Alberto Epifani – Convidado da Divisão Técnica de Urbanismo 

Arquiteto e Urbanismo, pela na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, com cursos de especialização em Transporte Coletivo por Ônibus, Movimentos Sociais Urbanos e Urbanização e Treinamento Básico de Administração – TBA. Na Companhia do Metropolitano de São Paulo – METRÔ, atuou como Analista de Projetos, Coordenador de Monitoração do Sistema de Transporte Público de Passageiros e de Pesquisas Operacionais, da Diretoria de Planejamento, Chefe de Departamento do Sistema Operacional, Gerente do Sistema de Transporte, Chefe da Assessoria para Integração do Sistema Metropolitano, Gerente de Planejamento e Integração de Transporte Metropolitano e Diretor de Planejamento e Expansão dos Transportes Metropolitanos. Diretor de Planejamento da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM. Na Secretária de Estado de Transportes Metropolitano, foi Coordenador da Coordenadoria de Transporte Coletivo das Regiões Metropolitanas de São Paulo, Baixada Santista e Campinas, Assessor Técnico e Coordenador do Núcleo de Planejamento Estratégico da Coordenadoria de Planejamento e Gestão.

Realização:

Departamento Desenvolvimento Urbano e Regional
Divisão Técnica Água e Saneamento
Divisão Técnica Meio Ambiente e Sustentabilidade
Divisão Técnica Urbanização

Apoio Institucional:

Apoio à formação: 

Espaço aberto ao CREA-SP, objetivando o aperfeiçoamento dos profissionais e o aprimoramento da fiscalização das áreas abrangidas pelo Sistema Confea/CREAs, além de promover a conscientização da sociedade quanto à necessidade e obrigatoriedade de contratar um profissional devidamente habilitado.

Hora

(Quarta-feira) 09:00 - 11:00

Localização

Evento on-line

Organizador

Departamento Desenvolvimento Urbano e Regional / Divisão Técnica Água e Saneamento / Divisão Técnica Meio Ambiente e Sustentabilidade / Divisão Técnica Urbanização