Visão do setor hidroviário e portuário em momentos de Covid-19: Oportunidades e Perspectivas

 

A palestra Visão do setor hidroviário e portuário em momentos de Covid-19 – oportunidades e perspectivas faz parte da Série Divisões Técnicas – Live, uma realização do Instituto de Engenharia.

Assista abaixo à gravação do evento:

 

 

 

Realização:

  • Divisão Técnica de Logística

Coordenador: José Wagner Leite Ferreira

  • Departamento de Engenharia de Mobilidade e Logística

Diretor: Ivan Metran Whately

  • Vice-presidência de Atividades Técnicas

VP: Jerônimo Cabral Pereira Fagundes Neto

 

Convidados:

Casemiro Tércio Carvalho

Engenheiro Naval, formado pela Escola Politécnica da USP e AMP (Advanced Management Program) pelo IESE Business School. Executivo há mais de 14 anos, apresenta extensa carteira de projetos e obras de infraestrutura. Foi sócio fundador e head de infraestrutura da Garín Investimentos e do Bureau da Engenharia, atuou por oito anos como CEO e diretor geral nos setores portuário e hidroviário, na diretoria presidência da Autoridade Portuária de Santos, na administração do Porto de São Sebastião e da Hidrovia Tietê-Paraná. Na esfera ambiental, como secretário de Estado adjunto e coordenador de Planejamento, desenvolveu avaliações estratégicas, como as atividades de construção naval e indústria offshore e portuária para todo o litoral de São Paulo. Pioneiro, elaborou, a partir dos conceitos de Green Economy no Brasil, um portfólio de programas e projetos de baixo carbono.

 

Edinho Bez

Formado em Ciências Contábeis pela Universidade do Sul, em Gravataí, Santa Catarina. Foi presidente do Conselho Administrativo do Departamento de Transportes e Terminais, presidente do Conselho Administrativo do Porto de São Francisco do Sul, membro do Conselho Estadual da Articulação do Comércio Exterior, membro do Conselho de Desenvolvimento e Integração Sul. Chefe do INCRA, presidente da Fundação Hospitalar Sílvio João de Oliveira, foi secretário de Infraestrutura de Santa Catarina e secretário de Transportes e Obras de Santa Catarina. Foi deputado federal por seis mandatos entre 1995 e 2019. Atualmente é diretor de Relações Institucionais da Frente Parlamentar Mista de Logística e Infraestrutura – FRENLOGI.

 

José Manoel de Oliveira Reis

Engenheiro Ambiental – UNISA, Administrador de Empresas, Engenheiro de Segurança do Trabalho, tecnólogo em Engenharia da Construção Civil e em Movimentos de Terra e Pavimentação. Possui MBA em Gestão do Meio Ambiente e Sustentabilidade e MBA em Trânsito, Mobilidade e Segurança. Foi professor das Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU) do curso de pós-graduação de Engenharia de Infraestrutura em Transportes, Modais de transportes e Engenharia de tráfego e da Universidade Anhembi Morumbi no curso de pós-graduação em Engenharia de Tráfego e de Avaliação de Imóveis Urbanos. Atuou como técnico, gerente, especialista, assessor de diretoria e diretor em empresas como CMSP, CET, ATOMst, Prefeituras de Bragança Paulista, Campinas e de São Paulo, DERSA e diversas outras empresas do setor privado. Realizou e ministrou diversos cursos e seminários em transportes, trânsito e atividades de logística em empresas como DERSA, CET, DETRAN, Fóruns de Secretários de Transportes, UNESP, ABRAMET, IPT, CET, SMT, EPUSP, etc. Possui ainda diversas atividades de treinamento e operações em atividades subaquáticas, com pós-graduação em instrução de mergulho – EsEFEX Escola de Educação Física do Exército – RJ, formação de instrução de mergulho pela CMAS – Confederação Mundial de Atividades Subaquáticas e Instrutor de Mergulho Internacional– CBPDS – Confederação Brasileira de Pesca e Desportos Subaquáticos (Vinculada ao Comitê Olímpico Brasileiro) – Nível máximo 3 estrelas. É coordenador da Divisão Técnica de Construções Sustentáveis e Meio Ambiente do Instituto de Engenharia e Diretor do Departamento Hidroviário do estado de São Paulo (DH).

 

Moderador:

 

José Wagner Leite Ferreira

Arquiteto Urbanista formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, com especialização em Transporte Urbano pelo IPR/IPT, em Gestão do Transporte Fluvial, pelo IFIT Namur na Bélgica, em Portos e Vias Navegáveis, pela APEC – Antwerp – Bélgica. Com mais de 30 anos de experiência em sistemas hidroviários e portuários, atuou e visitou entidades e eventos em diversas localidades nos EUA, América Latina, Europa dentre as quais: CNR – Compagnie National du Rhone, TVA – Tennessee Valley Authority, Albert Canal, Du Rhone Canal, Le Havre Canal, Portos Fluviais em Duisburg, Hidrovia Rhein, etc. Participa e contribui das entidades CNR – Compagnie National du Rhone, RMD – Rhein Main Donau, TVA – Tenessee Valey Authority, INE – Inland Navigation Europe, PIANC – Associação Mundial para a Infraestrutura de Transportes Aquaviários e VNF – Voies Navigables de France. Organizou, fundou e coordenou entidades do setor como Faculdade de Tecnologia Fluvial de Jahu, em cooperação com a UNIVERSITÉ DE LIÈGE-BELGICA, CITP – Consórcio Intermunicipal Tietê Paraná, ADTP – Agência de Desenvolvimento Tietê/Paraná, CESP – Companhia Energética de São Paulo nos terminais portuários, Plano de Desenvolvimento do Turismo Fluvial para o GESP, Plano Nacional de Turismo Fluvial na EMBRATUR, Plano de Revitalização Hidroviária do Vale do Ribeira e de Transporte Flúvio-Marítimo de Registro a Cubatão, UNIMEP/UNIVERSITÉ DE LIÈGE, do Plano Hidroviário do Estado de São Paulo, Corredor de Exportação de Etanol – Transpetro BR, do PORTO BRASIL em Peruíbe, na Secretaria de Portos da Presidência da República – Sistema Hidroviário da Baixada Santista/Plano de Operação, na ligação fluvial de passageiros Bertioga/Santos – ANTAQ. Atualmente coordena a Divisão Técnica de Logística de Transportes do Instituto de Engenharia, é consultor associado da FIGUEIREDO FERRAZ ENGENHARIA DE PROJETOS, diretor do CEANI – Centro de Estudos Avançados de Navegação Interior, consultor da CODESP – Porto de Santos e coordenador do Convênio Universidade de Liège/Unimep – Navegação Interior.

COMPARTILHAR