IE NA MÍDIA – Instituto de Engenharia reforça a importância das mulheres no mercado de trabalho

Imagem: Pixabay

IE promove mensalmente o encontro “Mulheres na Engenharia” e realizará evento que homenageia mulheres de destaque na Engenharia, no dia 23

Com base no Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), o número de mulheres engenheiras registradas no sistema passou de 13.772, em 2016, para 19.585, em 2018. Isso representou um avanço de 42%. O total da presença feminina no Brasil ativas no sistema hoje é de quase 200 milengenheiras. O Instituto de Engenharia (IE) reforça a importância da crescente presença das mulheres no mercado de trabalho, realizando e apoiando há quase três anos, o encontro mensal “Mulheres na Engenharia”, que tem uma rede com mais de 150 profissionais cadastradas.

O grupo foi criado com o objetivo de valorizar a mulher na Ciência, Matemática, Engenharia, Tecnologia e Artes – STEAM. Os trabalhos tiveram início em 2017, com a parceria do IE com o DiscoverE, entidade americana que ajuda a unir, mobilizar e apoiar as comunidades dessas áreas e tem como foco, instigar o público a descobrir o valor da educação nessas carreiras.

Realizado toda segunda quinta-feira do mês e aberto para todas as interessadas, o grupo conta também com um grupo de WhatsApp ”Nele discutimos tanto a parte técnica das nossas profissões quanto partes sensíveis como assédio e conselhos. Por este motivo, ele é fechado apenas para as mulheres”, comenta Miriana Marques, VP de Assuntos Internos do IE e uma das responsáveis pelo Comitê das Mulheres na Engenharia e Tecnologia (COMET), juntamente com Flávia Cruz, coordenadora do grupo.

Com o intuito de homenagear mulheres que se destacam em diferentes épocas atuando pela Engenharia e pelo Instituto de Engenharia, no dia 23 de março, o IE vai realizar o evento: Passado, Presente e Futuro da Engenharia. Com homenagens para:

-Passado – Norma Gebran Pereira – fundadora do SINAENCO e Conselheira do IE;
-Presente – Beatriz Rosa – Proprietária da Tarobá Engenharia, mediadora e árbitra da Câmara de Mediação e Arbitragem do IE e Conselheira do Instituto de Engenharia;
-Futuro – Natália Linhares – Engenheira Civil que atua como inspetora de estruturas de concreto com especialização em patologia nas obras civis.
Para saber mais sobre o grupo e outras atuações do IE, acesse http://www.institutodeengenharia.org.br.

Sobre o Instituto de Engenharia
A missão do Instituto de Engenharia é promover a Engenharia em benefício do desenvolvimento e da qualidade de vida da sociedade. O IE é uma sociedade civil sem fins lucrativos, com mais de cem anos de tradição, credibilidade e comprometimento com o desenvolvimento do Brasil. Seu quadro de associados é constituído por personalidades importantes de todas as áreas da Engenharia do Brasil, firmando-se como uma das mais conceituadas entidades do ramo no Brasil. Em sua sede, são realizados diversos eventos, cursos e palestras, além de visitas técnicas para promover a troca de informações e o desenvolvimento da qualidade e da credibilidade dos profissionais, bem como a valorização da engenharia e os avanços científico e tecnológico do País.

Fonte: JorNow

COMPARTILHAR