Manifesto contra o Pregão Eletrônico

65

São Paulo, 11 de fevereiro de 2019

 

Ao senhor Vinicius Marchese Marinelli

Presidente do CREA-SP

Em nome do Instituto de Engenharia, venho apoiar a manifestação dos presidentes do SINAENCO – Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia Consultiva – Carlos Mingione, e da Apeop – Associação Paulista de Empresários de Obras Públicas, Carlos Eduardo Lima Jorge, para suspensão do edital do CREA-SP para contratação de projeto por meio da modalidade de Pregão Eletrônico, previsto para 11 de fevereiro.

O Instituto de Engenharia sempre manifestou ser contrário às concorrências com leilão reverso. Além disso, as empresas de Engenharia têm que conviver com o Regime Diferenciado de Contratações (RDC), que visa acelerar as licitações e contratos administrativos, porém sem nenhuma garantia que vencerá aquela com a melhor solução técnica, já que o menor preço sempre prevalecerá.

Diante desses fatos, acredito que a Engenharia está sendo prejudicada pela cultura da contratação de obra pelo menor preço sem se preocupar com a técnica, a segurança, as vidas humanas e o meio ambiente.

O Instituto de Engenharia vem se unir as demais entidades de classe na luta para impedir definitivamente esse tipo de contratação, tanto para projetos, quanto para serviços de Engenharia.

Esperamos pela suspensão do processo licitatório.

Atenciosamente,

Eduardo Lafraia

COMPARTILHAR