Data marca o prazo-limite para o início das obras dos estádios

Nesta segunda-feira (14/9), o ministro do Esporte Orlando Silva Jr. passou um recado claro às cidades-sede do Mundial: quem não começar as obras dos estádios até março de 2010 será excluída da Copa.

Segundo Silva Jr., interlocutores da Fifa (Federação Internacional de Futebol) afirmaram em conversa reservada que os fóruns e discussões preparatórias não sensibilizarão mais a entidade. O que importa, agora, é início das obras, principalmente as de estádios, mobilidade urbana e aeroportos – infraestrutura essencial para a recepção e locomoção dos 500 mil turistas previstos para o evento. Ainda de acordo com a Fifa, se a construção das arenas não começar até março de 2010, o Brasil perderá duas sedes.

Infraestrutura 

As declarações foram feitas no III Fórum Legislativo da Copa de 2014, em Porto Alegre, onde o ministro anunciou que o governo federal investirá R$ 5 bilhões na infraestrutura e mobilidade urbana das cidades-sede da Copa. Os recursos serão liberados por meio de uma linha de crédito específica do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Autor: Sinaenco

COMPARTILHAR