Conama deve votar nesta quarta-feira (27) resolução que limita emissão de poluentes

O Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) se reúne amanhã, quarta-feira (27), e deve votar a resolução que determina o teor máximo de emissões de poluentes veículos leves de passageiros movidos a gasolina e para veículos leves movidos a diesel.

Até janeiro de 2014 automóveis movidos a gasolina devem sair de fábrica dentro dos padrões que serão estabelecidos. Para veículos movidos a diesel o prazo é até janeiro de 2013.

A proposta estabelece que os carros poderão emitir, por exemplo, 1,30 g/km de monóxido de carbono. Foram enumerados sete tipos de substâncias poluentes e o limite máximo para cada um delas.

Diesel

A Resolução 315 do Conselho Nacional de Meio Ambiente (Conama), de outubro de 2002, determina a produção de diesel S50 – que tem, no máximo, 50 partes de enxofre por milhão (ppm) – a partir de 1º de janeiro deste ano. Neste prazo a indústria deveria fornecer veículos adaptados ao novo combustível. Em São Paulo e Rio de Janeiro o uso deste tipo de combustível já é obrigatório para a frota cativa de ônibus e caminhões.

Um cronograma estabelecido em dezembro de 2008, em acordo firmado pelo Ministério Público Federal, ANP, IBAMA, Petrobras, alguns estados e outras entidades, prevê a obrigatoriedade do uso de óleo diesel S50 em frotas cativas de ônibus urbanos dos municípios e das regiões metropolitanas. Curitiba será o próximo município a aderir a partir de 1º de agosto de 2009. A partir de 1º janeiro de 2010, é a vez da região metropolitana de São Paulo e dos Municípios de Porto Alegre, Belo Horizonte e Salvador. Em 2011 aderem as regiões metropolitanas de Baixada Santista, Campinas, São José dos Campos e Rio de Janeiro.

Autor: Ambiente Brasil

COMPARTILHAR