EleiçõesGerais

Confira abaixo os candidatos às Eleições Gerais do Instituto de Engenharia.

Candidatos à:

▪️ Presidência

Paulo Ferreira

Engenheiro Civil pela Escola de Engenharia da Universidade Presbiteriana Mackenzie, mestre e doutor pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (EPUSP). Engenheiro de Planejamento, coordenador de Projetos, superintendente de Projetos, diretor Técnico e de Meio Ambiente da Sabesp; diretor de Controle de Poluição da Cetesb; professor adjunto da E.E. Mackenzie. É conselheiro Consultivo e já foi vice-presidente de Atividades Técnicas do Instituto de Engenharia, secretário adjunto de Meio Ambiente do Estado de São Paulo, secretário Nacional de Saneamento Ambiental do Ministério das Cidades, diretor Administrativo e Financeiro da Telebras do Ministério das Comunicações.
Confira suas propostas

▪️ Vice-presidência de Administração e Finanças

Luiz Fernando Portella

Nos últimos seis anos atuou como conselheiro do Instituto de Engenharia (Conselhos Deliberativo e Consultivo), tendo também participado de todas as reuniões de Diretoria, estando totalmente atualizado com os números financeiros e decisões operacionais. Fundador da “Central de Mentoria do IE” que atingiu diretamente mais de 1.500 pessoas em contato direto com o Instituto em mais de 20 eventos. No Departamento de Mobilidade e Logística foi responsável por vários eventos internacionais além de ter participado do grupo que recebeu a premiação do trabalho técnico de 2020 no setor de mobilidade. Atualmente, no Conselho Consultivo, questionou a venda da área da sede do IE sem que se garanta o patrimônio daqui para frente e manutenção de valor do imóvel. Questionou também os custos do Instituto e as premissas lançadas no orçamento para 2021. A valorização da divisões técnicas (contra o fechamento das mesmas) e a participação do associado como prioridade é mandatório tendo como principio a Missão do IE e seu propósito: Tradição-Isenção-Inovação. Como associado do Instituto de Engenharia há 35 anos, foi um dos fundadores da Divisão de Marketing, sendo coordenador por quatro gestões. Responsável por trazer o Programa Brasileiro de Produtividade e Qualidade para a gestão da época. Formado em Engenharia Mecânico pela FEI; com especializações em Administração de Empresas (FGV), Análise de Sistemas (LTD-Datamec), Marketing Industrial (Escola de Eng. Mauá) e Advanced Marketing Planing (GE-Camp). Com carreira profissional C-Level nas empresas Esso Brasileira de Petróleo, Alfa-Laval (Suécia) e General Elétric (AL). Atualmente é sócio da NBO Participações & Investimentos, presidente da Calypso Networks Association (Bélgica) para a América Latina, coordenador na UITP - União Internacional de Transportes Públicos, membro da NTU - Associação Nacional de Transportes Urbanos, membro do Conselho Consultivo do Instituto de Engenharia e consultor do BID na área de mobilidade urbana.
“A valorização constante da engenharia, do engenheiro, a presença efetiva do IE na sociedade e a garantia de sua perpetuidade tem sido e sempre será a luta do Eng. Fernando Portella”
Confira suas propostas

Marcos Moliterno

Engenheiro Civil, mestre em Tecnologia Ambiental, com especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho e em Gestão Ambiental e Negócios no Setor Energético. Sua atividade profissional é desenvolvida como perito judicial para questões de Engenharia Civil (avaliação patrimonial, regularização de terras e danos em construções), de Segurança do Trabalho e de Engenharia Ambiental (áreas contaminadas, licenças, EIA, RAP e RiVi) e como sócio da M.moliterno Engenharia Civil e Ambiental, em que aplica sua expertise como consultor de empresas, inclusive de seguros (riscos industriais e de engenharia). Ocupou os cargos de vice-presidente de Assuntos Internos e de Relações Externas no Instituto de Engenharia e representa a instituição no Conselho Superior de Meio Ambiente da Fiesp – COSEMA, no Conselho Municipal de Meio Ambiente e de Desenvolvimento Sustentável de São Paulo – CADES, no Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico e Arqueológico do Estado – CONDEPHAAT, como também em diversos comitês da ABNT.
Confira suas propostas

▪️ Vice-presidência de Atividades Técnicas

Ivan Metran Whately

No Instituto de Engenharia há 40 anos, atuou como 1º Secretário da Diretoria Executiva nos últimos quatro anos. Há seis anos é diretor do Departamento de Mobilidade e Logística e atuou por cinco anos como coordenador da Divisão Técnica de Transportes Metropolitanos. Por dois períodos de quatro anos fez parte do Conselho Deliberativo, e atua no Conselho Consultivo. Participa do Conselho Editorial e de Pauta da Revista Engenharia. Sempre desenvolveu atividades voluntárias, e como confrade, participa das degustações da SocIEtà - grupo de associados amigos do vinho no Instituto de Engenharia. Formado em Engenharia Civil pela FAAP, em 1974; Arquitetura pela universidade Presbiteriana Mackenzie, em 1967; com cursos de extensão e estágios profissionais no Brasil e na França, nas especializações de Engenharia de Tráfego e Transporte e Planejamento de Transporte. Atuou em empresas privadas e públicas. Atualmente é consultor de Planejamento de Transporte, já foi foi assessor da Diretoria do Metrô-SP (2013-2019), foi assessor Especial do SMT (2010-2013), foi gerente de Projetos e Obras da EMTU (2007-2013), foi superintendente do DAEE (1995-1997) e foi diretor de Projetos e diretor-presidente da CPOS (1997-2005). Foi Presidente da Comissão Pró-Centro e diretor do DTP da PMSP. Além disso, foi consultor da OEA no Uruguai; diretor de Projetos de Engenharia do FUNDUSP; dirigente da Assessoria Técnica da Secretaria dos Negócios Metropolitanos; assessor Técnico da Secretaria de Estado dos Transportes, diretor do Departamento de Projetos da SEEBLA - Serviços de Engenharia, onde coordenou projetos em cidades brasileiras, Chile, Venezuela e Colômbia.
Confira suas propostas

▪️ Vice-presidência de Relações Externas

Ricardo Kenzo Motomatsu

Graduado em Engenharia Civil (UNICAMP), com pós-graduação em Transportes (EPUSP), pós-graduação em Análise de Sistemas (Mackenzie), especialização em impactos ambientais (IPSUS SENAI) e MBA (Instituto Mauá de Tecnologia). Experiência como executivo em instituições públicas e privadas (nacionais e multinacionais) dos setores de infraestrutura de transportes e logística, mobilidade urbana, defesa e segurança, energia, indústria, saneamento e educação em atividades de projeto, planejamento, operação, vendas, estratégia de negócios e inteligência de mercado. Na academia por mais de 30 anos atua em universidades e cursos de formação profissionalizantes na pós-graduação como docente. Atua em posição executiva diretiva e em conselhos em instituições do setor privado, educacional, industrial e de inovação. Experiência em tecnologia, projetos, inovação e competitividade, vendas e estratégia. É vice-presidente de Relações Externas do Instituto de Engenharia, chairman do Simpósio de VEH 2020 da SAE, diretor da Fiesp no Departamento de Infraestrutura – DEINFRA, Conselheiro da Fiesp no CONIC - Conselho Superior de Inovação e Competitividade, Consultor da CSPEP da ABIMAQ e Executivo de Relações Institucionais e Estratégia de Mercado da Innovo Tecnologia.
Confira suas propostas

▪️ Vice-presidência de Assuntos Internos e Associativos

Flávia Bartkevicius Cruz

Engenheira Eletricista-Eletrônica pela Escola de Engenharia Mauá, possui Especialização em Engenharia Ferroviária e Metroferroviária pela mesma escola. Atualmente cursando Empreendedorismo e Inovação nas Engenharias (parceria UNESP/CREA/UNIVES). Atua como consultora na parte de infraestrutura de telecom. Foi diretora de Filiação da Associação de Ex-Alunos do Instituto Mauá de Tecnologia no período de 2017-2019, tendo sido responsável, no ano de 2018, por coordenar as avaliações do Prêmio AEXAM-Eureka, parceria com empresas para premiarem os melhores trabalhos de graduação e permitir uma aproximação formandos/empresas. Nos últimos anos representou o Instituto de Engenharia na colação de grau dos alunos do Instituto Mauá de Tecnologia na outorga do Prêmio Melhores Alunos. Atua no IE desde 2015 como Coordenadora da Divisão Técnica de Telecomunicações, tendo sido a responsável pela realização de três Seminários referentes à Internet das Coisas nos anos de 2016 (A Revolução das Coisas), 2017 (Indústria 4.0) e 2018 (Agricultura 4.0). Além de palestras sobre Inteligência Artificial e Eletrônica. Foi a responsável pela criação do Grupo de Mulheres do IE (COMET – Comitê para Valorização das Mulheres na Engenharia e Tecnologia), grupo que tem atraído mais associadas para o Instituto e responsável pela realização nos anos de 2019 e 2020 do evento “Passado, Presente e Futuro da Engenharia”, além da participação em Semanas de Engenharia das Escolas de Engenharia apresentando o Instituto e da participação na Jornada de Engenharia, Carreiras e Profissões com foco na atração de mais jovens e mulheres para o IE.
Confira suas propostas

Vinicius Silva Caruso

Engenheiro Civil formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (2017). Mestrado em curso em Engenharia Civil, com ênfase em Hidráulica (2020-), na FEC-UNICAMP, eleito representante dos alunos de pós-graduação na sua Congregação (2021). Atua na engenharia consultiva e de projetos, em saneamento básico (água, esgotos e drenagem urbana). Iniciou a carreira na construção civil, participando das obras de duplicação da Rodovia Régis Bittencourt (BR-116), no trecho da Serra do Cafezal e da transposição da Bacia do Rio Itapanhaú para o Sistema Produtor Alto Tietê. Associado ao Instituto Brasileiro do Concreto, coordenou o concurso técnico “Ousadia” (2017-2019) e foi um dos coordenadores do “Seminário sobre o Ensino de Engenharia Civil” (2017 e 2019). No Instituto de Engenharia, foi assessor da Vice-Presidência de Relações Externas (2017-2018) e é assessor da Divisão Técnica de Estruturas. Foi membro da delegação brasileira da “The Youth Assembly 2018 Winter”, realizada na sede da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, EUA.
Confira suas propostas

▪️ Primeiro Diretor-Secretário

Jerônimo Cabral Pereira Fagundes Neto

Engenheiro Civil (Escola de Engenharia de Lins) e Administrador de Empresas (Mackenzie). Pós-graduado em Avaliações e Perícias de Engenharia (FAAP); Mestre em Habitação na área Tecnologia das Edificações (IPT); Perito Judicial na região Metropolitana de São Paulo e assistente Técnico no Sul-Sudeste; membro do corpo docente dos cursos de pós-graduação em Perícias de Engenharia e Avaliações e Engenharia Diagnóstica em Edificações em convênios diversos: com a FAAP, UNIP, UNISANTA, Estácio de Sá; professor convidado do curso Gerenciamento de Ativos Imobiliários Corporativos FDTE/ CoreNet; Autor e coautor de livros e artigos técnicos além de palestrante e ministrador de cursos, treinamento nos temas: Perícias em Revestimentos; Perícias em Edificações; Inspeção e Manutenção Predial; Engenharia Diagnóstica em Edificações; Norma de Desempenho em edificações; representante do Instituto de Engenharia na ABNT, na elaboração da Norma de Desempenho de Edificações – edição 2013; secretário da Comissão de normas da ABNT- CB2 para revisão das normas: NBR 14037 – Diretrizes para Elaboração de Manuais de Uso, Operação e Manutenção das Edificações e NBR 5674 – Manutenção das Edificações, como representante do IBAPE; secretário da NBR 16.280 – versão 2014 - Reforma em edificações - Sistema de gestão de reformas como representante do Instituto de Engenharia; Medalha Hélio de Caires: melhor trabalho de Perícias do XIV COBREAP – Salvador – BA - 2007 "Perícias em Fach adas de Edificações – Pintura"; Menção Honrosa pelo trabalho "A Engenharia Diagnóstica como instrumento de valorização profissional e da qualidade nas edificações" (Instituto de Engenharia – 2011); atual vice-presidente de Atividades Técnicas do Instituto de Engenharia e diretor da J. Cabral Perícias de Engenharia e Avaliações.

▪️ Segundo Diretor-Secretário

Felipe Geribello Ferreira Cabral

Engenheiro Civil formado pelo Instituto Mauá de Tecnologia em 2018, pós-graduado em Gerenciamento de Projetos pela FGV e atualmente cursando pós-graduação em Neurociência e Comportamento pela PUC-RS. Trabalha na Geribello Engenharia Ltda., empresa de gerenciamento, fiscalização e supervisão de obras, já tendo atuado no departamento de planejamento e como engenheiro fiscal em contratos de habitação popular (CDHU). Atualmente trabalha no Departamento de Qualidade e Desenvolvimento da empresa, sendo responsável pela busca de inovações. É vice-coordenador da Divisão Técnica de Engenharia Sanitária e Recursos Hídricos e Biotecnologia, desde 2019.
Confira suas propostas

Rafael Timerman

Engenheiro Civil, graduado em 2008 pela Escola de Engenharia da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Sócio-Gerente da ENGETI Consultoria e Engenharia S/S Ltda., empresa de consultoria e projetos estruturais. Coordenador de diversos projetos de reabilitação, reforço e alargamento de estruturas de OAEs, com intervenções em mais de 300.000,00m² de tabuleiro, dentre estes o projeto e supervisão das obras de recuperação e troca de cabos da Ponte Pênsil de São Vicente. Membro do IABSE (International Association for Bridge and Structural Engineering), IBRACON (Instituto Brasileiro do Concreto), ABPE (Associação Brasileira de Pontes e Estruturas – Grupo Brasileiro do IABSE), ABCIC (Associação Brasileira de Construção Industrializada de Concreto), ABECE (Associação Brasileira de Engenharia e Consultoria Estrutural), ACI (American Concrete Institute) e ALCONPAT Brasil (Associação Brasileira de Patologia das Construções) Diretor-adjunto de relacionamento da ABECE – gestão 2018-2020. Direto de eventos do IBRACON – gestão 2020-2022. Membro do comitê 364 para Reabilitação de Estruturas de Concreto do ACI. Professor de cursos de pós-graduação para reabilitação, reforço e inspeção de estruturas de pontes e viadutos.
Confira suas propostas

▪️ Primeiro Diretor-Financeiro

Rui Arruda Camargo

Engenheiro Eletrônico (Mackenzie), com pós-graduação em Administração de Empresas (FGV). Destacam-se em sua experiência profissional atuações na Eletropaulo, no Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, em Brasília, na Companhia do Metrô de São Paulo e na CPOS – Companhia Paulista de Obras e Serviços – além de, na iniciativa privada, atuar na Orbiteng - Instalações Elétricas - como sócio - Responsável Técnico. Exerceu a presidência da Junta de Revisão de Litígios dos três contratos da construção da Linha Amarela do Metrô, financiados pelo Banco Mundial. Possui certificação para atuação em Dispute Boards pela The Dispute Resolution Board Foundation, com sede em Seatle, EUA. Foi designado como Perito no Processo A-320 da Câmara de Arbitragem da FIESP e Perito Auxiliar no Processo de Reforma do Hospital Emílio Ribas. Atualmente, como consultor independente, é perito em contratos de obras de infraestrutura. No Instituto de Engenharia, atuou em diversas áreas do Colegiado Técnico, da Diretoria Executiva e, do Conselho Fiscal, como presidente. Exerce, ainda, os cargos Diretor Responsável pela Revista Engenharia, Membro do Conselho Consultivo, diretor--Financeiro da Câmara de Mediação e Arbitragem e está finalizando seu mandato no Conselho Deliberativo.

▪️ Segundo Diretor-Financeiro

Roberto Bartolomeu Berkes

Formado em Engenharia Elétrica pela Escola de Engenharia Mauá e em Administração de Empresas pela FGV. Agraciado pelo Prêmio Barão de Mauá, por destaque profissional pela AEXAM. Já foi vice-presidente de Assuntos Internos, conselheiro Deliberativo e é conselheiro Consultivo do Instituto de Engenharia. Conselho Diretor do IMT- Instituto Mauá de Tecnologia, Mediador e Árbitro da CMA-IE, Editorial da Revista Engenharia, Coordenador Grupo Trabalho Trólebus / Ebus América Latina UITP. Coordenador projetos / obras / planejamento maiores empresas privadas e área publica: CPOS, ARTESP e atual EMTU: Gerência Projetos / Obras, resp. técnico expansão sistema Trólebus no Corredor ABD, Auditoria, Conformidade e Integridade, elabora e analisa pareceres / auditoria contratos engenharia, Matrizes Risco Corporativa. “Seminário Internacional de Trólebus / Elétrico” -“Corredores de Ônibus para as Cidades do Futuro” no IE, Conferência Internacional Trólebus / Elétrico Leipzig (Alemanha), Moscou (Rússia), “Eletrificação / repotencialização do Corredor de ônibus no ABD”. Coordenou Santiago – Chile “ Implantação do Corredor de Ônibus elétrico Av. Grécia”. Coordenou trabalho: “Recomendações Políticas Publicas de Sistemas de Ônibus Elétricos” publicado UITP em 4 (quatro) idiomas. Artigos: Revista Digital Auto Bus “ Estratégias da evolução da frota de ônibus elétricos no mundo” e “ O Trólebus continua vivo e dinâmico”. Professor Curso Marketing / Comercial para Empresas de Construção CIAMEC 2020 e atualmente curso : Planejamento redes ônibus elétricos em cidades pela UITP.

▪️ Conselho Fiscal

Marco Antonio Gullo

Engenheiro Civil, mestre em Tecnologia da Habitação, pós-graduado em Perícias de Engenharia e Avaliações, pós-graduado em Administração de Empresas. Atual diretor de Cursos do Instituto de Engenharia e ex-coordenador da Câmara Técnica de Perícias em Edificações do IBAPE/SP. Docente em cursos de especialização e pós-graduação do IE e do INBEC. Coautor de diversos livros enfocando Engenharia Diagnóstica; 30 anos de consultoria e fiscalização de obras, assim como assistência técnica judicial envolvendo renomadas empresas de construção; Participação como consultor em importantes veículos de comunicação, entre os quais Folha, Editora Abril, R7, SBT e Rede Globo. Palestrante formador do I WORKSHOP LUSO-BRASILEIRO DE ENGENHARIA DIAGNÓSTICA EM EDIFICAÇÕES, promovido pelo FUNDEC em LISBOA/PORTUGAL; Membro do Comitê Científico e palestrante do 1° Seminário de Engenharia Diagnóstica em Edificações dos Países da CPLP, realizado no campus da UNIFOR - Universidade de Fortaleza e Membro Correspondente da Academia Cearense de Engenharia - ACE; Representante do Instituto de Engenharia – IE na Comissão de Estudo das normas de Desempenho de Edificações CE-(02:136.001) e Inspeção Predial (CE-02:140.02), promovido pela ABNT/CB02 (Comitê Brasileiro da Construção Civil da Associação Brasileira de Normas Técnicas), tendo participado em diversas reuniões para elaboração das normas técnicas de Manutenção de Edificações, das Diretrizes para Elaboração de Manuais de Uso, Operação e Manutenção das edificações (CE-02:140.01), de Desempenho em Edificações (CE-02:136.01); Sócio diretor da MG CONSULT.

Odécio Braga de Louredo Filho

Engenheiro Eletricista – modalidade eletrotécnica, e pós-graduação em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho (E.E.U.MACK). Conta com diversos cursos de aperfeiçoamento profissional em eventos técnicos nacionais e internacionais. Destaca-se em sua experiência profissional, atuação na LIGHT - Serviços de Eletricidade (Eletropaulo). Trabalhou na Cia. do Metrô, exercendo as atividades na área de Empreendimentos Associados e na de Planejamento, acompanhamento e controle de atividades técnicas relacionadas à expansão/modernização do sistema metroviário. Exerce atividades na área de Manutenção, com a implantação e acompanhamento da certificação da Norma ISO-9001/2000; e também na de expansão/melhoria dos sistemas e equipamentos das linhas existentes. Atuou na área de Recursos Humanos nos Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho (SEESMT); e na de Suprimento, no Controle da Qualidade, na fabricação (47) do metrô-carros da Linha 3–Vermelha (Mafersa-22 e Cobrasma-25). Foi membro do Conselho Consultivo da APAEST e do Conselho Deliberativo da AEAMESP. Atualmente, é conselheiro do IE e representa a entidade no Crea-SP. Exerce o cargo de diretor-Financeiro da ABEE-SP. No Instituto de Engenharia, exerceu atividade de vice-coordenador das Divisões Técnicas de Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho e de Engenharia Elétrica e foi diretor-Financeiro. Atualmente, é do Conselho Consultivo do IE. Foi candidato para deputado federal em 2010 e 2014.

Victor Brecheret Filho

Engenheiro Civil (Escola de Engenharia da Universidade Presbiteriana Mackenzie). Experiência em projeto e construção de usinas hidroelétricas e obras hidráulicas, planejamento de recursos hídricos, sistemas energéticos e de transmissão, geração termoelétrica a gás natural, óleo combustível, carvão mineral e biomassa. Pesquisa e desenvolvimento de fontes alternativas de energia, gaseificação de biomassa, combustíveis fósseis e sintéticos. Aplicações. Administração de empresas Concessionárias de energia elétrica e distribuição de gás combustível, operação de serviços públicos de distribuição de eletricidade e gás natural, negociação de suprimentos e a administração de consumidores residenciais e grandes clientes. Participação em leilões de privatização, associações e negociações empresariais antes e após leilão, modernização e implantação dos sistemas produtivos e de distribuição de empresas privatizadas. Contatos com órgãos governamentais, agências reguladoras, supridores e fornecedores de energia e combustíveis, Bancos e agências internacionais de Financiamento e Desenvolvimento. Trabalhou nas empresas Cesp, Comgás, Camargo Corrêa S/A e VBC Energia S/A. Atualmente, é engenheiro e consultor. Sócio-administrador da Acta Engenharia Ltda. / Brefer Construções e Soluções Ltda. Já foi vice-presidente de Administração e Finanças do Instituto de Engenharia. Conselheiro, sócio-fundador e atual presidente do IVB – Instituto Victor Brecheret.

▪️ Suplente do Conselho Fiscal

▪️ Conselho Deliberativo

Ana Paula de Camargo Kinoshita

Iniciou na década 1990 na área de Engenharia e Arquitetura, trabalhando como desenhista projetista elaborando diversos trabalhos, adquirindo experiências e conhecimento, sempre estudando, inclusive em outras instituições em SC. Engenharia Civil, formada pela (UAM/2009); Tecnologia de Construção Civil com ênfase em Planejamento (UAM/2007); Gestão e Fiscalização Técnica de Obra (UAM/2007); pós-graduada em Engenharia de Segurança do Trabalho pela USP (2016). Atuando ativamente desde 2015 pela empresa APK Engenharia e Consultoria (Construções, Perícias e Segurança) nas áreas de Engenharia Civil e Engenharia Segurança do Trabalho, Segurança Contra Incêndio, sempre ativa participando de diversos Congressos Nacionais e Internacionais, Seminários, Workshop, me atualizando em vários cursos na área de SCI, etc. Também palestrando/entrevistas presencial e por videoconferências. Atuou em 2015 como docente na UNINOVE, ministrando aulas, várias disciplinas nos Cursos técnicos: Edificações; Eletrotécnica; Segurança do trabalho. Trabalhou na área de Energia em SC, obras de infraestrutura (empreendimentos hidrelétricos), gerenciamento de projetos dos consórcios dos empreendimentos hidrelétricos (AHE Pedra do Cavalo / Bahia; CESAP – Salto Pilão / Santa Catarina).Também em 2008 no PROJ 2 Obras de arte e Infraestrutura da Prefeitura da Cidade de São Paulo, onde elaborou um trabalho cujo tema era Recuperação Estrutural do Estádio do Pacaembu 2008 - Estudo de caso: Museu do Futebol, e esse trabalho foi citado na Revista do Concreto & Construção – ANO XLV 82 – IBRACON – Página 69 à 74, como referência bibliográfica seu trabalho de Monografia 2008 KINOSHITA, A. P. C.; Revista do Frio & Ar Condicionado – Entrevista sobre o CT do Flamengo. Membro ativa da ABNT/CB/24 Comitês técnicos, ABNT/CE- Comitê Brasileiro SPRINKLERS ; e etc. Membro ativa da OBME – Organização Brasileira das Mulheres Empresárias, como coordenadora do Comitê das Mulheres Engenheiras. Membro ativa da ABRAVA. Membro do Instituto de Engenharia e secretária da DT de Incêndio desde 2017.

Arlindo Virgílio Machado Moura

Engenheiro Mecânico (Escola de Engenharia Mauá - 1960), Empresário da área da Construção, Infraestrutura, Logística e Social de Energia Renovável, Desenvolvimento Urbano e Preservação Ambiental com o grupo Planova S.A. Foi conselheiro da Associação Brasileira de Engenharia Industrial. No Instituto de Engenharia foi do Conselho Deliberativo (2000 – 2004) e vice-presidente de Administração e Finanças (2011-2013/2019-2021). Desde 2017, é membro vitalício do Conselho Consultivo. Presidente da Comissão de Obras Públicas da CBIC – Câmara Brasileira da Indústria da Construção (2003–2014). Presidente da APEOP- Associação Paulista de Empresários de Obras Públicas (2001–2008) e Presidente do Conselho Deliberativo APEOP (2009/2017). Membro do Conselho Consultivo da CBIC – desde 2014. Membro efetivo do NAT – Núcleo de Altos Temas do SECOVI – desde 2010. Presidente do Esporte Clube Pinheiros (1993 – 1997). Vice-presidente e membro do Conselho Superior da ACESC (1994 – 1998). Associação dos Clubes Esportivos e Sócio-Culturais de SP. Presidente do Sindi-Clube – Sindicato dos Clubes Esportivos e Sócio-Culturais do Estado de São Paulo (1997 – 2006). Conselheiro efetivo do Esporte Clube Pinheiros, conselheiro efetivo do Sindi-Clube e Conselheiro efetivo da APEOP.
Confira suas propostas

Aurea Vendramin

Pós-doutora em Eficiência Energética e Energia Renovável e doutora em Engenharia e Ciências dos Materiais pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Arquiteta, urbanista e engenheira Civil. Coordenadora do Departamento de Controle e Automação do Instituto de Engenharia, membro do Comitê Técnico Green Building Council Brasil – GBC, e do conselho Brasileiro de Construção Sustentável – CBCS e Instituto Smart Citizen Brasil. Professora de pós-graduação do IPOG, Universidade Presbiteriana Mackenzie, Universidade Belas Artes, em São Paulo e Votorantim, Uninove, Unopar, Senai PR e SP, Universidade ISE, Universidade ITIE e UFPR. Experiência como palestrante em congressos internacionais, session chair e conferencista na International Conference on Biodiversity and Sustainable Energy Development em, Singapura e na International Conference on Frontiers of Mechanical Engineering, Materials and Energy, em Pequim.
Confira suas propostas

Camil Eid

Engenheiro civil e eletricista pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, formado em 1960. Sócio-diretor da Calliandra Consultoria Ltda. Foi presidente do Instituto de Engenharia, vice-presidente de Obras Pesadas da Apeop, diretor do Sinicesp, diretor Técnico e Comercial da Badra S.A., diretor Nacional e Internacional da Construtora Beter S.A, com realizações no exterior, inclusive na Arábia Saudita, onde se destaca a Estrada Safwa Al Jubail. Foi também diretor-sócio da Jubran Engenharia. Possui extenso currículo de obras, algumas das quais foi responsável técnico: Ponte do Morumbi, Ponte Guido Caloi, Ponte Cruzeiro do Sul, Ponte Vila Guilherme, Viaduto VA19 da Rodovia dos Imigrantes, terraplenagem e pavimentação das Avenidas 23 de Maio, Sumaré e Marginal do Tietê. Destacam-se o Túnel Metroviário da Rua das Palmeiras, Terminal Ferrazópolis e Pátio Belém para o Metrô de São Paulo.

Carlos Antonio Rossi Rosa

Engenheiro Civil formado pela Escola de Engenharia da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em 1967. Iniciou sua carreira como engenheiro de obras de infraestrutura em São Paulo, Brasil e exterior, nas diversas áreas: implantação do Metrô de São Paulo, Linhas Norte-Sul, Leste-Oeste, implantação da Rodovia dos Imigrantes, usinas hidrelétricas Salto Santiago/Paraná, Tucuruvi/Pará, Porto Primavera/São Paulo, rodovias no Perú, Bolívia, Angola, hidrelétrica na Colômbia e outras. Foi diretor Operacional, Comercial e presidente de Construções e Comércio na Camargo Corrêa Infra, no período de 1982 a 2003. Foi presidente do Conselho de Administração da CCInfra, da CAVO Serviços e Meio Ambiente, do CNEC - Consórcio Nacional de Engenheiros Consultores e da CCDI - Camargo Corrêa Desenvolvimento Imobiliário, de 2003 a 2007. Foi professor assistente na Escola de Engenharia da Universidade Presbiteriana Mackenzie, nas disciplinas de Resistência dos Materiais e de Planejamento das Construções. Foi conselheiro do Instituto de Engenharia de 2009 a 2018. É sócio-diretor da CHARE Incorporações e Assessoria Ltda.

Carlos Costa Neto

Engenheiro Eletricista Pleno formado em Licenciatura e Engenharia Elétrica pela Universidade de Mogi das Cruzes, em 1986. É pós-graduado em Engenharia de Segurança do Trabalho pela UNIP. Diretor Técnico da empresa Engseg Ambiental Engenharia e Serviços Ltda, onde presta serviços nos mais diversos seguimentos industriais e comerciais. Foi auditor técnico da ABPA, autarquia que atendia às maiores empresas nacionais e multinacionais do Brasil. Atuou como perito Judicial junto ao Tribunal Regional do Trabalho. Em 2013 foi eleito e empossado na Presidência da Associação Brasileira de Engenheiros Eletricista do Estado de São Paulo, sendo reeleito em 2016. Elegeu-se como Conselheiro do Conselho do CREA-SP, para o triênio 2015-2017 e reeleito para o triênio 2017-2020, onde coordenou e participou em diversas comissões. Desde 2018 atua como representante do SEESP junto à FIESP, no GTSSP - Grupo de Trabalho Segurança e Sistemas Prediais. No Instituto de Engenharia vem participando como conselheiro Deliberativo, Consultivo e da Divisão Técnica de Distribuição de Energias.
Confira suas propostas

Débora Sanches de A. Marinello

Engenheira Civil pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e técnica em Edificações pelo Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo. Pós-graduada pelo IDD/SP, sendo Especialista em “Patologia nas Obras Civis”. Pós-graduada em Gerenciamento de Operações na Construção Civil pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP). Aperfeiçoamento em Avaliações de Imóveis Urbanos e Rurais e Avaliação de Aluguéis pelo Ibape-SP. Atua na área da Engenharia Diagnóstica realizando vistorias, inspeções prediais, auditorias, perícias, consultorias e auditorias técnicas de edificações para Condomínios residenciais e comerciais, Construtoras e Incorporadoras e também atua na área de Avaliações de Imóveis residenciais e comerciais. Assistente técnica junto a escritórios de advocacia, empresas de engenharia e incorporadores (avaliações, desapropriações, laudos técnicos, serviços técnicos civis). No Instituto de Engenharia, atualmente é diretora do Departamento de Engenharia de Produção e membro das Divisões Técnicas de Avaliações e Perícias e Patologia das Construções.
Confira suas propostas

Edson José Machado

Engenheiro civil, tendo atuado com Planejamento; Gerenciamento; captação de negócios em empreendimentos de edificações, metros, hidroelétricas, rodovias, ferrovias, saneamento, industriais, no País e exterior; e Concessões Rodoviárias. Já foi do Conselho Deliberativo do Instituto de Engenharia (2009/2012/2016) e é conselheiro da Câmara de Mediação e Arbitragem (CMA-IE) e de Clubes Sociais. É representante do IE na Diretoria de Infraestrutura da Fiesp.

Eduardo Ferreira Lafraia

Presidiu o Instituto de Engenharia nas gestões de 2003-2004/2005-2006/2017-2018. Desenvolveu sua carreira como empresário da Construção Civil, no setor da Habitação. Engenheiro Civil (Mackenzie), pós-graduado em Administração de Empresas (FGV), e concluiu com créditos e sem defesa de Trabalho de Conclusão de Curso o MBA em Administração de Empreendimentos da Construção Civil (Poli-USP). Foi presidente do Conselho Deliberativo da Apeop, membro do Conselho de Orientação do IPT, do Conselho Superior de Infraestrutura da Fiesp, da Cadeia Produtiva da Indústria da Construção Civil, Fiesp, conselheiro e diretor da Aliança Cultural Brasil-Japão, foi diretor do Sciesp – Sindicato dos Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo, diretor de obras da Cohab-SP e presidente do DCE – Diretório Central dos Estudantes, na Universidade Mackenzie. É atualmente presidente do Instituto de Engenharia e membro dos Conselhos Consultivo e Deliberativo, e diretor-pleno da Associação Comercial de São Paulo (ACSP).

Elcio Niwa

Engenheiro Civil, formado na Poli-USP (2010), com experiência em Projetos e Manutenção infraestrutura de ferroviário, hidroviário e aproveitamento de uso múltiplo de energia e água. Pós-graduado pelo PECE-USP em Infraestrutura de Via Permanente em 2014. Aplicando conhecimento em elaborações e editais para contratação de Manutenção ferroviária de obras de arte especiais e sistemas de super e infraestrutura para vias em lastro e em laje para ferrovias de passageiros. Associado ao CBT (Comitê Brasileiro de Túneis) e ABMS (Associação Brasileira de Mechanics dos solos). Associado à AEEFSJ desde 2013 (Associação dos Engenheiro da Estrada de Ferro), atuou como conselheiro no período de 2015-2016. Associado ao SEESP, atuou como delegado durante período de 2018 a 2021. Determinado em desenvolver o Brasil por meio sustentável nesta geração. Visão de um futuro comum com demais gerações. Possui interesse em buscar inovação em engenharia. Entusiasta da melhoria da sociedade pela educação em prol de ações coletivas e registros sistemáticos e organizados.
Confira suas propostas

Eny Kaori Uono Sanchez

Engenheira Civil formada pela Fundação Armando Alvares Penteados (FAAP), pós-graduada em Avaliação e Perícias, com cursos de extensão em Avaliações e Perícias pelo IBAPE/SP. Responsável técnica da empresa Uono Sanchez Engenharia, com mais de nove mil trabalhos no ano de 2020, e premiada com selo de qualidade em 1º Lugar do Banco Santander. Nove anos como credenciada da Caixa Econômica federal e Banco do Brasil. Perita Judicial com nomeações em Fórum da capital e Grande SP. Atualmente é vice-diretora de Cursos no Instituto de Engenharia, onde é ativa participante do Grupo Mulheres e ativa participante da Divisão Técnica de Avaliações e Perícias, tendo participado da elaboração da Norma de Avaliações de Imóveis Urbanos.
Confira suas propostas

Fernando Bertoldi Corrêa

Engenheiro Civil (Mackenzie). Possui vinte e um anos de atuação profissional na área de Gerenciamento de Empreendimentos, com foco em obras de habitação, transporte rodoviário e ferroviário e telecomunicações, entre outros. Na área de Engenharia Consultiva, foi responsável por projetos de rodovias federais, obras de arte especiais, habitações de interesse social, estações rodoviárias e ferroviárias, além de grande experiência na área de regularização fundiária. Atualmente, é responsável técnico pela empresa Herjacktech Tecnologia e Engenharia Ltda e membro do PMI - Project Manager Institute. Atuou como responsável pelo gerenciamento e planejamento das atividades dos departamentos técnicos do Instituto de Engenharia, como diretor de programação e posteriormente eleito como primeiro diretor-financeiro (2017) e segundo diretor-financeiro (2019).

George Paulus Pereira Dias

Nascido no Brás, criado no Tatuapé e juventino da Mooca. Engenheiro de Produção (Poli-USP), mestre na área de Logística e doutor pela mesma escola. Técnico em Eletrônica (LAOSP). Iniciou sua carreira na Engenharia como consultor nas áreas de gestão da cadeia de suprimentos e de gestão de projetos. Atua como empreendedor na área de internet e software, desde 1999. Empreendeu o sistema aprendizado com jogos de empresas salaVIVA e o software online de gerenciamento de projetos GP3. Paralelamente à carreira de empreendedor, acumulou 20 anos de experiência como docente em cursos de graduação e pós-graduação pela Fundação Vanzolini e Insper. Desde 2017 atua voluntariamente como diretor de Comunicação do Instituto de Engenharia, onde também coordenou o projeto do Associado Digital.
Confira suas propostas

Habib Jarrouge

Engenheiro Civil Geotécnico, com experiência na coordenação, projeto e ATO (Acompanhamento Técnico de Obra) de túneis, fundações, estabilização de encostas, escavações e obras de adução e transferência de água. Já foi coordenador da Divisão Técnica de Geotecnia e Mecânica dos Solos no Instituto de Engenharia e presidente do Centro Acadêmico de Engenharia Civil, da UFPR. Atualmente, é engenheiro Civil na GeoCompany e membro dos conselhos Consultivo e Deliberativo do Instituto de Engenharia.

Horacio Tanze Filho

Engenheiro Civil, Sanitarista e Ambientalista, formado pela Escola de Engenharia Mauá com especialização em perícias e avaliações. Sua atividade profissional é desenvolvida como perito judicial para questões de Engenharia e Ambiental. Sócio e proprietário da HTF Engenharia. Conselheiro e diretor do Clube Atlético Paulistano, onde atuou como diretor de Patrimônio tendo sido um dos responsáveis do atual Plano Diretor. Fundador da APPJ - Associação Para-maçônica de Perícias Judiciais. Membro CAJUFA e indicado para as comissões da Fazenda Pública para desapropriação como do Moinho Velho, mini anel viário indicado, prolongamento da Av. Roberto Marinho, Rodoanel, Rodoanel de Guarulhos, entre outras. Trabalha nestes últimos 38 anos como perito Judicial, na área de Engenharia, junto à diversas Varas da Capital (Regionais e Central), Grande São Paulo e outras localidades. Colaborador na área técnica do Livro “Ações renovatórias e revisionais em Shoppings Centers" e do livro “Avaliação em Shopping Center” do Dr. Mario Cerveira Filho, além de diversas matérias, atuando em todo o Brasil em ações Revisionais e Renovatórias.

João Ernesto Figueiredo

Engenheiro Civil (Poli-USP), com pós-graduação em Engenharia de Produção e diversos outros cursos. Atividades profissionais: Prima Eletrodomésticos como assessor do consultor Ruy Leme; Bransconsult Engenharia de Projetos como chefe do Departamento de Planejamento; Banco Central do Brasil como assessor da Presidência; Bancos Investbanco, Denasa, First Chicago e Nazionale Del Lavoro como diretor; FPM Fomento Comercial como sócio-diretor. Atuou com consultoria financeira de empresas com cerca de 50 trabalhos. Foi professor na Escola de Engenharia Mauá com a disciplina: Finanças e Mercado de Capitais e diversos cursos no IE. Livros: "Debêntures – Conceitos e Aplicações", 1974; "Retratos e Relatos" livro dos 95 anos do IE, 2011; "AEP celebra 120 anos da EPUSP", tributo da Associação dos Engenheiros Politécnicos no qual é conselheiro, 2013. No Instituto de Engenharia atuou em diversas divisões técnicas; recebeu o Prêmio Melhor Trabalho para o Poder Público; já foi membro do Conselho Deliberativo em vários mandatos, diretor-tesoureiro, vice-presidente de Administração e Finanças e presidente do Conselho Consultivo e do Conselho Fiscal. Atualmente, é Primeiro Diretor Financeiro, membro das Comissões Editoriais da Revista Engenharia e do Jornal e membro vitalício do Conselho Consultivo e de diversos grupos de trabalhos técnicos. De 2019 a 2021 na gestão de Eduardo Lafraia foi primeiro diretor-financeiro.
Confira suas propostas

Jonas Mattos

Engenheiro Civil formado pela Faculdade de Engenharia São Paulo (FESP), tendo como áreas de atuação profissional: Engenharia Legal; Aprovação de Projetos Habitacionais e Parcelamento do Solo; Perícias Judiciais e Extrajudiciais, tendo realizado mais de 3.400 trabalhos. Professor Universitário. Especialista em Parcelamento do Solo – Universidade Secovi, membro do Instituto de Engenharia, membro do Comitê de Construção Civil CE-02:012-1 – Comissão de Estudo de Pericias de Engenharia na Construção Civil – Revisão da NBR 13752, e membro Titular do Instituto Brasileiro de Avaliação e Periciais de São Paulo – IBAPE/SP.

José Eduardo Wanderley de Albuquerque Cavalcanti

Engenheiro Químico pela Escola de Engenharia Mauá, desde 1968; Administrador de Empresas pela Escola de Engenharia Mackenzie, desde 1972; e MBA em Marketing e Finanças pela Faculdade de Economia e Administração, desde 2000. Membro do Conselho Superior de Meio Ambiente e diretor do Departamento de Infraestrutura da FIESP. Atua na empresa Ambiental do Brasil Tratamento de Resíduos. Vem desenvolvendo, desde 1969, inúmeros projetos de engenharia sanitária e ambiental para uma diversidade de indústrias e companhias de saneamento públicas e privadas, bem como prefeituras, órgãos públicos e agências reguladoras Em 1974 fundou a Ecopam - Engenheiros Consultores Ltda. e em 1979 inaugurou a Ambiental Laboratório e Equipamentos Ltda. É autor do livro "Manual de Tratamento de Águas Residuarias Industriais", publicado pela Cetesb em 1979 e reeditado em 1994 e 1999. É também autor do livro "Manual de Tratamento de Efluentes Industriais", atualmente na 3º Edição (2009, 2012 e 2016). É autor também de diversos artigos técnicos em saneamento ambiental, publicados em revistas técnicas especializadas e no Portal do Instituto de Engenharia e do Club de Engenharia do Rio de Janeiro, além do site “Ambiente Legal”. Tem proferido diversos cursos e palestras em seminários e conferências, em assuntos de saneamento e meio ambiente. Foi agraciado com o título de Personalidade do Ano instituído pelo Rotary Clube de S. Paulo - Ateneu Rotário em 2002 por sua atuação na preservação do meio ambiente. Neste ano, uma de suas empresas, a Ambiental Laboratórios, recebeu o prêmio Petrobrás de Meio Ambiente.
Confira suas propostas

José Olímpio Dias de Faria

Engenheiro Civil e pós-graduado em Engenharia Civil (Poli-USP) e em Administração de Empresas (Mackenzie). Construtor de inúmeras obras de engenharia Civil para os sistemas de transportes, habitacional, industrial, de saneamento, em todo o Brasil, tais como, Metrô, estradas, pontes, viadutos, hospitais, portos, conjuntos habitacionais (10.000 HIS), silos de estocagem de grãos e sistemas de coleta e tratamento de esgoto sanitário, entre outras. Diretor da Uetê Engenharia, Consultoria e Gerenciamento Ltda., empresa dedicada à prestação de serviços de engenharia Civil, planejamento, orçamento, implantação, organização, consultoria e gerenciamento. No Instituto de Engenharia, foi vice-presidente de Administração e Finanças, vice-presidente de Assuntos Internos e Associativos, diretor de departamentos técnicos, executor e responsável técnico pela construção da sede atual, coordenador da Divisão de Tecnologia, com o programa da qualidade e produtividade, que se tornou um objetivo nacional, membro da Comissão Supervisora de Obras da Nova Sede, presidente do Centro Democrático dos Engenheiros e representante do Instituto na Sempla. É membro do conselho Consultivo.
Confira suas propostas

Kleber Rezende Castilho

Engenheiro Elétrico, com modalidade em telecomunicações (UMC). No Instituto de Engenharia, foi por duas vezes membro do Conselho Deliberativo e uma vez pelo Consultivo, coordenador da Divisão Técnica de Telecomunicações e suplente do diretor-financeiro na gestão 2003-2004. No Crea-SP, foi presidente, coordenador da Câmara de Engenharia Elétrica e coordenador nacional da Câmara de Engenharia Elétrica. Atualmente, é consultor na área de telecomunicações e diretor na Affair Systems Engenharia e na Instalcom Engenharia, e é diretor de Relações Profissionais do CREA-SP. Participou de Projetos do Citibank e da Caixa Econômica Federal, da Avenida Paulista. Desenvolveu com as autoridades, por meio da Aberimest, a privatização do sistema de telecomunicações do País proporcionando telefone fixo e celular para toda a camada da população brasileira.

Luiz Felipe Proost de Souza

Engenheiro Civil (Mackenzie, 1970) Agrimensor e de Segurança do Trabalho, Administrador (Mackenzie), pós-graduado em Gestão Ambiental (USP) e mestre em Saneamento Ambiental (Mackenzie). Membro dos Conselhos Deliberativo e Consultivo do Instituto de Engenharia. Professor das escolas de Engenharia Mackenzie, São Judas, Santa Cecília e FAAP. Engenheiro consultor e perito judicial. Diretor da Proost Engenharia de Avalições. Atual Presidente do CDE. Exerceu por quatro mandatos o conselho do CREA-SP.

Marcos De Carvalho Geribello

Engenheiro Civil (Poli-USP) e Eletrotécnico (Escola Técnica Mackenzie). Associado ao Instituto de Engenharia há 54 anos. Recém-formado, trabalhou na empresa Pavimentações e Estradas Ltda., empreiteira de obras públicas e por 11 anos na Envil Engenharia S.A., incorporadora e construtora, como diretor-Técnico. Diretor-superintendente da empresa Geribello Engenharia Ltda., desde sua fundação em 1979, a empresa opera em praticamente todas as áreas da engenharia consultiva. Dedica-se, principalmente, ao planejamento, gerenciamento e fiscalização de empreendimentos públicos e privados nas áreas de transportes, infraestrutura, habitação e educação. Iniciou os estudos de egiptologia há mais de cinco décadas. A paixão pelo Egito fez com que se aprofundasse no tema, passando a dar palestras sobre o assunto desde 2001. Astrônomo amador, possui um observatório astronômico particular, dedicando-se ao estudo dos fenômenos celestes.

Maurilio Luiz Vieira Bergamini

Graduado em Engenharia Química (Mackenzie), Administração (Mackenzie), Gestão de Meio Ambiente (ipep) e Marketing de Varejo (ESPM). Atuou por uma década em pesquisa e desenvolvimento de penicilina (squibb), recuperação e purificação de metais preciosos (purimil), montagem de indústria de cosméticos (hester) e importação de matéria prima para indústria química (quimber). Atuou como diretor de grandes empresas de refeição e convênio, como cheque cardápio e sodexo. No Instituto de Engenharia atua na comissão editorial da Revista Engenharia e foi diretor do Departamento de Engenharia Química. Convidado a representar o IE no CREA-SP como suplente do conselho no triênio 2021 a 2023.

Miracyr Assis Marcato

Engenheiro Mecânico e Eletricista pela Escola de Engenharia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRS). Com pós-graduação Plena em Administração de Empresas pela Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas. Membro do COSCEX – Conselho Superior de Comércio Exterior da FIESP, como representante do Instituto de Engenharia. Já participou dos Conselhos Deliberativo e Consultivo do Instituto de Engenharia, e foi diretor do Departamento de Engenharia de Energia e Telecomunicações. Consultor nas áreas de Matriz Energética Nacional, introdução e usos do Gás Natural no Brasil como energético para geração de energia elétrica, cogeração de energia, gás natural veicular, industrial, comercial e residencial. Já atuou como vice-presidente de “Comercialização e Desenvolvimento de Novos Negócios” da SADE-Sul Americana de Engenharia S.A. Habilitação em Mediação e Arbitragem pela Câmara de Comércio do Mercosul e América Latina. Life Member do IEEE – Institute of Electrical and Electronic Engineers (USA).

Miriana Pereira Marques

Engenheira Civil formada há 31 anos pela FEFAAP, e especialista em Avaliações e Perícias pela Universidade 9 de Julho. É responsável técnica da Marques & Marques Engenharia Avaliações e Perícias, tendo como foco principal a realização de Relatórios Técnicos de Vistoria de Vizinhança para grandes obras de infraestrutura no Estado de São Paulo – Metrô, Rodoanel, Contorno da Tamoios, Descida da Serra, entre outros. Na vida acadêmica foi professora de Maciços e Obras de Terra, Transportes e Mecânica dos Solos na FEFAAP, professora convidada nos cursos de pós-graduação de Avaliações e Perícias da FAAP e IBEC. Na área judicial atua como assistente técnico do Metrô, foi assistente técnica da DERSA e é perita na 6º Vara Cível do Fórum de Jundiaí. Na área pública foi supervisora Técnica de Planejamento Urbano na Subprefeitura do Butantã e assessora da Superintendência de Obras na Siurb, na gestão do prefeito Gilberto Kassab. No Instituto de Engenharia, é vice-presidente de Assuntos Internos e Associativos, membro do Conselho Consultivo, membro da Câmara de Mediação e Arbitragem, membro do Grupo Mulheres e Mentoria, vice-diretora da Divisão Técnica de Avaliações e Perícias e secretária da Divisão Técnica de Novas Tecnologias. Foi vice-presidente de Atividades Técnicas, diretora-secretária da Diretoria Executiva, secretária da Divisão Técnica de Avaliações e Perícias e vice-coordenadora da Divisão Técnica de Gerenciamento e Empreendimento. Nos últimos anos, vem realizando várias parcerias com as escolas de engenharia, atléticas, centro e diretórios acadêmicos e empresas juniores, participando de colação de grau, premiando os melhores alunos na área de engenharia, participando da organização da Jornada de Engenharia, Carreiras e Profissões, mantendo um laço forte com as escolas de engenharia, agregando associados universitários e docentes. Incentiva novos cursos e palestras no IE, além dos já existentes. Agraciada com o Prêmio de Melhor Trabalho Técnico do Ano analisando temas ligados ao exercício da profissão – "Vistoria Cautelar", "Imóveis Tombados", "Calçadas" e “As maravilhas da Engenharia.
Confira suas propostas

Ricardo Henrique de Araujo Imamura

Engenheiro Civil pela Escola de Engenharia de Lins, 1977. Engenheiro pela Empresa Consultora Hidroservice – Engenharia de Projetos Ltda., engenheiro pela S.A. Indústrias Votorantim, assessor da Diretoria pela Empresa Consultora Matricial Projetos e Consultoria Ltda., sócio Proprietário da R.H. Imamura Peritos Consultores e da Advisors Committee. Perito Judicial de diversas Varas Cíveis e da Fazenda Pública no Estado de São Paulo, desde 1978. Dentre sua experiência como perito Judicial, encontram-se a Elaboração de mais de 4.300 Laudos de Engenharia Legal de naturezas diversas tais como: Ações Cautelares; Ordinárias; Renovatórias/Revisionais; Execuções; Sumárias; Desapropriações; Usucapiões; Reintegratórias; Arbitramentos; Demarcatórias; Vistorias “Ad perpetuam Rei Memoriam”; Engenharia Econômica (Contratos e Obras de Engenharia Civil); Gestão de Custos de Projetos e Empreendimentos, Inspeção Predial, Nunciação de Obra Nova; Sinistros em diversas áreas (incêndios, vendaval, RE, etc.); Cálculos de IPTU; Créditos de ICMS / IPI de Materiais Intermediários e Energia Elétrica; Busca e Apreensão de Softwares, etc. Coordenador da Divisão Técnica de Avaliações e Perícias, vice-coordenador da Divisão Técnica de Compliance, conselheiro e perito Especialista da Câmara de Mediação e Arbitragem do Instituto de Engenharia. Membro Fundador e ex-presidente da Associação Paramaçônica de Peritos Judiciais – APPJ. Presidente da AELINS – Associação de Engenheiros de Lins – Lins/SP. Membro do CBAr, ABCIP, CAM-CCBC, CAMARB, FIDIC, Comissão de Estudo de Perícias de Engenharia na Construção Civil – CE-02:012.01 - ABNT e de diversas Associações em São Paulo. Ministra Cursos e Palestras e tem publicações técnicas diversas, tais como: Engenharia Legal – Perícias de Engenharia e de Avaliações”, “Engenharia Legal – Planta Genérica de Valores”, “O Perito nas Ação Expropriatórias – Perícias Judiciais”, “Aspectos Práticos e Legais da Vistoria de Vizinhança e Inspeção Predial”, “Perícia em Estruturas de Edificação – Um Caso Real” e “Aspectos Práticos da Prova Pericial Cível” – Escola Superior de Advocacia. Medalha de Ouro pelo Melhor Trabalho Técnico de 2020, “Engenharia de Perícias e Avaliações” e Medalha de Ouro pela “Melhor Avaliação qualitativa da Divisão Técnica de Avaliações e Perícias” de 2020, pelo Instituto de Engenharia.
Confira suas propostas

Roberto Kochen

Possui graduação em Engenharia Civil (1977), mestrado em Engenharia de Estruturas (1982), e doutorado em Engenharia de Solos (1989), todos pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo. É pós-doutorado em Escavações em Rocha pela Universidade de Toronto, Canadá. Atualmente, é professor Doutor do Departamento de Estruturas e Fundações da Escola Politécnica da USP, diretor Técnico da Geocompany Tecnologia, Engenharia e Meio Ambiente, e diretor do Departamento de Engenharia do Habitat e Infraestrutura do Instituto de Engenharia. Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Contenções, Túneis, Fundações, Escavações e Meio Ambiente, com aplicações em Rodovias, Usinas Hidroelétricas, Sistemas Metroviários e Obras Civis.

Stella Marys Della Flora

Engenheira Civil pela FAAP em 2012, mestranda em Engenharia Civil pela Universidade São Judas e pós-graduada em Engenharia Diagnóstica – Patologia e Perícias na Construção Civil pelo INBEC. Especialista em Engenharia Diagnóstica com trabalhos de vistorias, inspeções, auditorias e perícias realizados para as construtoras e incorporadoras tradicionais do mercado brasileiro. É coordenadora da Divisão Técnica de Patologia das Construções do Instituto de Engenharia, além de sócia e perita no Gabinete de Perícias Gomide.
Para currículo completo, acesse: http://lattes.cnpq.br/3942344839015964
Confira suas propostas

Theophilo Darcio Guimarães

Mestre. Engenheiro Civil (Mackenzie). Graduado em Matemática. Engenheiro de Segurança do Trabalho. Possui cursos de pós-graduação, especialização, aperfeiçoamento e atualização. Participou de eventos técnicos e acadêmicos no Brasil e no Exterior. Atuou na construção civil por três décadas, como sócio e diretor-técnico de construtora. Atuou também no magistério superior (Universidade Federal de Goiás, Universidade Presbiteriana Mackenzie, FAAP e Universidade São Judas). Ministrou aulas em cursos para engenheiros nas empresas Honda (Manaus) e Eletronorte (Brasília). Organizou o curso de Engenharia Civil da Universidade São Judas e foi seu primeiro coordenador. Foi diretor da Faculdade de Ciências da Universidade Mackenzie. Foi conselheiro do CREA-SP por dois mandatos consecutivos. Sócio da ABENGE (Associação Brasileira de Educação em Engenharia). No Instituto de Engenharia, é vice-coordenador da Divisão Técnica de Segurança no Trabalho e membro do Conselho Editorial da Revista Engenharia.

Sobre o IE

Fundado em 1916, o Instituto de Engenharia é uma sociedade civil sem fins lucrativos e referência de confiabilidade. Seu quadro de associados é constituído por personalidades importantes da engenharia, firmando-se como uma das mais conceituadas entidades do ramo no Brasil. Em sua sede, no bairro de Vila Mariana, em São Paulo, são realizados diversos eventos, cursos, palestras e organizadas visitas técnicas com o objetivo de promover a troca de informações e o desenvolvimento da qualidade e da credibilidade dos profissionais, a valorização da engenharia e o avanço científico e tecnológico do País.