São Paulo descarta tentar nova venda da Cesp neste ano

Com o fracasso do leilão da Cesp, o governo paulista agora analisa como se desfazer das ações da geradora. A expectativa é que, dentro de um mês, tenha em mãos um estudo sobre as possibilidades de venda. Uma delas seria vender na Bolsa as ações que excedem ao controle do governo na empresa, o que poderia levantar entre R$ 3 bilhões e R$ 4 bilhões, segundo cálculos dos coordenadores do leilão. 

De qualquer forma, o governo paulista não considera mais a opção de vender o controle da Cesp ainda neste ano, o que deve atrasar os planos de eventuais interessados em comandar a terceira maior geradora do país.

Autor: Folha de S. Paulo

COMPARTILHAR